Como se Distinguem os 144.000

Quem são os 144.000 que aparecem no Apocalipse? Esta pergunta tem despertado a curiosidade tanto de leigos como de teólogos. João, o revelador, apresenta este grupo em Apoc. 7 e 14. No capítulo 7, ele vê os 144 mil quando são selados, e, no capítulo 14, vê-os sobre o Monte de Sião. Como leais seguidores de Cristo, ostentam certas características. Aparecem em contraste com os que têm o sinal da besta. (Apoc. 13:16 e 17).

Justo antes da consumação de todas as coisas, os seres humanos estarão divididos em dois grandes grupos. Cada um deles terá seu sinal identificador. O decidir a qual destes grupos vamos pertencer, é um assunto de vida ou morte, que devemos resolver aqui e agora. Deste modo, cada ser humano decidirá seu destino. A quem vamos manifestar lealdade? Que nome vamos ter? Que sinal ou selo vamos possuir? Que caminho vamos seguir?

Várias características importantes identificam os 144 mil que aparecem em Apocalipse 7 e 14. Em primeiro lugar, têm o nome do Cordeiro e o de Seu Pai escritos na fronte. (Apoc. 14:1). Em que se fundamenta a importância desse nome? De acordo com a Bíblia, há íntima relação entre uma pessoa e seu nome. Antigamente o nome representava a natureza e a personalidade de quem o possuía. Visto que os 144 mil levam o nome do Cordeiro e o de Seu Pai, devem, sem dúvida, participar da natureza e personalidade de ambos. São a imagem de Deus (Gên. 1:26 em diante) no mais amplo sentido da palavra.

Ao se considerar um novo nome, está implícito o fato de que quem o ostenta é propriedade de quem o confere. Além disso, implica também a adoção na família de Deus. Toda a pessoa que recebe esses nomes entra numa nova existência, experimenta, por assim dizer, uma mudança de proprietário, e vive sob a autoridade e proteção do Pai amante e de Seu Filho. (Deut. 28:10; Isa. 43:7; 63:19; 65:1; Dan. 9:18, 19). Estas são as vantagens da adoção.

O nome novo é escrito na “fronte” (Apoc. 14:1). Os neurologistas nos dizem que a parte anterior do cérebro, que se acha mais próximo da testa, encerra os centros do pensamento abstrato, da faculdade de raciocinar, da dedução e da lógica. Imagina-se que essa passagem menciona a “testa” por que é a parte do organismo em que se encontra o setor do cérebro onde ocorrem os processos chaves relativos ao pensamento e à razão.

Se esta idéia for correta, é razoável pensar que os que levam este nome têm a verdade tão arraigada em seus pensamentos, como também a essência da natureza do Cordeiro e de Seu Pai, que não há teoria ou suposição, dificuldade ou perseguição, nada debaixo do céu que os pudesse apartar de sua fé e lealdade Àquele que os resgatou com Seu próprio sangue. Permanecerão firmes durante a angústia de Jacó. (Dan. 12:1-3). Sairão incólumes do grande dia da ira de Deus. (Apoc. 6:17). Estarão sob a proteção dAquele que é o Alfa e o ômega. (Apoc. 22:13).

Redimidos Dentre os da Terra

Outra das características dos 144 mil é o fato de que são “redimidos” (Apoc. 14:3). A palavra traduzida “redimidos” em português, em grego é agorazo. Também poderia ser traduzida por “resgatados” ou “adquiridos”. Estes vocábulos foram bem escolhidos porque, em realidade, o Cordeiro pagou com Seu próprio sangue o preço do resgate do pecado e escravidão.

Todavia, junto com a idéia de aquisição surge também o pensamento de separação do mundo. Por um lado, a aquisição dos redimidos é um ato de Deus, realizado por meio de Jesus Cristo, no qual o homem não tem parte alguma, nem mérito a invocar; por outro lado, é um ato de separação “dentre os da terra” (verso 3) e “dentre os homens” (verso 4). (I Cor. 6:20; 7:23; II Ped. 2:1; Apoc. 5:9; 3:18; 13:17; 18:11).

Em contraste com a multidão assinalada com o nome ou o número da besta (Apoc. 13:17), os 144 mil recebem o selo de Deus na fronte. A pergunta que surge ao se chegar a este ponto, é que se cada pessoa que se inteira destes assuntos pode afirmar que foi adquirida por Deus mediante o sangue do Cordeiro. Cremos que o mero conhecimento não basta. Somente os que cumprem as provisões de Deus, que conduzem a salvação e Seu reino, isto é, o remanescente, poderão gozar a salvação. Este remanescente participará da glória eterna por ocasião da consumação de todas as coisas.

As enigmáticas palavras que aparecem em Apocalipse 14:4, onde se diz que estes resgatados “não se contaminaram com mulheres”, pois “são Virgens”, têm sido explicadas de diferentes maneiras. Devido à natureza simbólica do Apocalipse, pareceria prudente chegar à conclusão de que o fato de não se contaminarem com mulheres se refere à decisão de não participarem de práticas idólatras, que em profecia equivale a adultério e fornicação. (Apoc. 2:14, 15, 20-25; 17:1-7; Ezeq. 16: 1-58; 23:1-49). Os 144 mil não tiveram relações ilícitas com “a grande meretriz” (Apoc. 17:1), “a grande Babilónia, a mãe das prostitutas” (verso 5), nem com suas filhas, prostitutas também. Não há relação alguma entre o remanescente e os crentes nas religiões falsas simbolizadas pela mãe e pelas filhas da profecia.

Afirma-se que os 144 mil são “virgens”. A palavra grega da qual provém este termo não dá a idéia de que se trata só de mulheres. O vocábulo pode aplicar-se a ambos os sexos em grego, como também em português. São chamados “virgens” porque levam o sinal da pureza.São castos e têm-se mantido permanentemente incontaminados. Conservam uma fé pura. O fato de que não aceitaram nenhum tipo de relação ilícita com outros organismos religiosos, é um sinal de que têm alcançado êxito em manter-se fiéis em seu pacto com Deus. Só aceitam uma relação: a verdadeira relação de amor e fé com o Pai e com o Cordeiro, que os resgataram da escravidão do mundo e do pecado, adotando-os como filhos e filhas de Deus.

A observação de que “em suas bocas não se achou engano” (Apoc. 14:5), sugere que seu carácter foi examinado. O poder transformador do Cordeiro modificou profundamente estes seres pecaminosos, desonestos e sujeitos ao erro, que não se acha neles atitude enganosa, nem nada que tenha que ver com a desonestidade e a mentira.

Sem Mancha Diante de Deus

A razão por que não se encontra engano nesta última geração de fiéis, reside em seu caráter imaculado. “São sem mácula” (Apoc. 14:5). A palavra grega da qual foi traduzido “sem mancha” é ámomos. Também se pode traduzir por “sem falta”, “sem nódoa” e “sem falha”. Dá a idéia de algo imaculado, tanto no sentido moral como no religioso.

Era propósito de Deus que os membros da igreja cristã primitiva alcançassem esse nível. “Para que fôssemos santos e sem mácula diante dele” (Efés. 1:4), disse Paulo aos efésios. (Veja-se também Efés. 5:22). Os filipenses deveriam ser irrepreensíveis e sinceros” (Fil. 2:15). Afirma-se que Cristo queria apresentar ante o Pai os colossenses “santos e sem mácula e irrepreensíveis” (Col. 1: 22). Os que esperam novos céus e nova terra deveriam ser sem mácula e irrepreensíveis” (II Ped. 3:14). Noé, que viveu “conforme tudo o que Deus lhe ordenou,” (Gên. 6:22) foi declarado irrepreensível e aparece junto com sua família fiel como os únicos sobreviventes da destruição universal ocasionada pelo dilúvio. Noé e sua família constituíam’ o remanescente que sobreviveu por ocasião da primeira destruição do mundo, e por isso mesmo podem ser considerados como um símbolo do remanescente, isto é, dos 144 mil que sobreviverão à segunda destruição do mundo, que ocorrerá por ocasião da segunda vinda de Cristo.

Na nova Jerusalém celestial, cantarão “um cântico novo diante do trono” (Apoc. 14:3). Este cântico novo”, que só eles podem aprender, é o resultado do fato singular de fazerem parte do último grupo de fiéis què passará pela terrível tribulação que constituirá o tempo de angústia de Jacó, para ser testemunhas do regresso de Seu amado e esperado Senhor.

Quem são os 144 mil a que se refere o Apocalipse? A resposta a esta pergunta encontramos em Apoc. 7 e 14. Os 144 mil são seres humanos que constituem o último remanescente fiel. São identificados: 1) por terem o nome do Cordeiro e de Seu Pai escrito na fronte (Apoc. 14:1); 2) por terem sido resgatados dentre os da Terra (versos 3 e 4); 3) por se haverem mantido incontaminados de relações ilícitas com outras organizações religiosas (verso 4); 4) porque possuem sinal de pureza (verso 4); 5) por levarem o sinal da veracidade (verso 5); 6) por levarem o sinal da pureza tanto moral como religiosa (verso 5); e 7) por seguirem o Cordeiro por onde quer que vá (verso 4).

A pergunta: “quem são?” refere-se a nós. Não basta conhecer-mos os sinais de identificação. Muito mais importante que isto é saber se ostentamos ou não esses sinais. Vivemos em íntima comunhão com nosso Senhor, dia após dia, de tal sorte que nossa condição moral e religiosa reflita o Deus Altíssimo? Se assim não for, a mensagem dos 144 mil nos convida a obter essa consagração para que possamos experimentar então o começo da vida eterna, de maneira que possamos passar da morte para a vida (I João 3:14; .2 João 5:24; Efés. 2:1), e possamos contar-nos entre os 144 mil.

Artigo escrito pelo Dr. Gerardo F. Hasel, publicado na RA de Jan/1977.

____________
Blog Sétimo Dia

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em 144.000, Matérias Revista Adventista e marcado , . Guardar link permanente.

13 respostas para Como se Distinguem os 144.000

  1. Louriano disse:

    valeu

  2. Ana Cristina Fernandes Madeira disse:

    Querida irmã Maisa que vc continue deixando Deus usa-la como alerta e alimento a todos a que ELE busca…Mande-me notícias quando retornará ao ES.Que a paz do Senhor esteja em ti,tenha um feliz Sábado.

  3. Miguel Czelusniaki disse:

    Gosto muito de ler sobre os 144000 e fico fascinado com as experiencia de João o revelador e . E com os eventos que se segurão quando o fim chegar gostaria de saber mais sobbre eles

  4. Levy Moura disse:

    Levy Moura – Manaus
    Os 144 Mil são literal, digo, o número exato? Os 144 Mil são simbólico, digo, representam o todo dos salvos?

  5. Paulo Garcia disse:

    A irmã Ellen White em seu Livro Primeiros Escritos e também no Livro Eventos Finais pág. 295, deixa claro que os 144.000 serão os JUSTOS VIVOS que estarão na Terra antes da volta de Jesus .
    Se este número é simbólico ou não , isto não está explicado .

  6. Ana Claudia Pimentel disse:

    Também tenho essa duvida, se os 144 mil é um numero literal ou simbólico, gostaria de receber informações que me ajudasse a resolver essa duvida cruel..

  7. A tendencia é crermos que não é literal esse número, mas o mais importante é estatrmos entre os 144.000 e não se são ou não literais ou simbólicos.

  8. Jose luis tavares disse:

    Sou Jose luis tavares sou Caboverdiano, esse tema e um dos mais que gosto de estudar e ser bem esclarecida, sera que esse numero e simbolico ou literal.

  9. diademi disse:

    Estou disposto a oferecer a quem quiser as informações sobre os 144.000, baseado apenas no que está escrito. Tenho o estudo exato que a própria Igreja pregava há poucas décadas atrás, mas que hoje não parece ser o foco. É fundamental dominar esse assunto, pois é ponto de nossa fé.
    Meu email é: leandro.diademi@gmail.com
    Se alguém quiser estudar sem polemisar, mas para aprender é só me pediem, estarei ao vosso lado.
    Que Deus vos abençoe pela oportunidade!

  10. Galhardo disse:

    Tudo do que eu estava pensando…Obrigado muito exclarecedor!! Quem são?Resposta do Dr.Geraldo:”…São seres humanos q constitui o último remanescente fiel.” Isso mesmo.

  11. vida disse:

    que bom as pessoas deviam buscar mais e estudar a biblia e o espirito de profecia que fala que o povo de deus verdadeiro no tempo do fim faram parte desse grupo especial. acredito ser literal porque quando olhamos para nossa igreja vemos a condiçao espiritual que estao e realmente estao durmindo sono profundo . como entao vao estar pronto para proclamar a mensagem do ceu? sao poucos mesmos. noe e mais 7 restaram ; lo e suas filhas restaram ; e ainda que os filhos de israel seja como areia do mar o remanescente e que sera salvo ,viu como e pouco? esta em isaias 10 a parti do v 7 . ler a bibia e ogrande desafio para acordamos acredito e tenho me esforçado pra chegar viva entre os 144mil se nao ressucitarei com os irmaos da fe leiam os livros eventos finais,primeiros escritos , grande conflito, voces verao a verdade ser proclamada com gosto atraves de nossa irma elle white. chegara um tempo em que nao suportarao a sa doutrina estudem estudem

  12. Galhardo disse:

    Os Remanescentes fiéis são aqueles q os demônios não consegue derrotar. São aqueles q não acataram a mentira e não aceitaram o poder político falso. E q nunca conscientemente quiseram prestar homenagem, nem tampouco guardar um dia falso(domingo). Esses se identificam com os 144.000. Mesmo aqueles q morreram sem guardar o sábado, porém eles foram selados, pois suas obras os acompanham; embora sendo verdadeiros adoradores se soubessem realmente q deveriam guardar o sábado guardariam como guardam o domingo, mas nunca souberam. Entendam: “Vi tbm outro anjo q subia do oriente com o selo do Deus vivo. Esse gritou em alta voz aos quatro anjos q haviam sido encarregados de fazer mal à terra e o mar.”(Apocalipse 7.2). Note q havia ” quatro anjos segurando nos quatro cantos da terra para q o vento(guerras) não soprasse, sobre a terra, sobre o mar ou sobre alguma arvore(natureza).(Apocalipse 7.1). Porém vem mais um anjo e diz: “com alta voz aos quatro anjos” q havia de danificar a terra para não fazer isso até q fossem selados(marcados) na fronte dos servos de Deus.”(Apocalipse 7.3). 1) Pergunta: Quem é esse novo anjo q aparece gritando, para q os anjos não permitisse as guerras na terra até q fossem selados os humanos? Resposta: O povo adventista do 7º dia, o povo diz: “espere Senhor até terminarmos a obra de selarmos na mente(consciência) as pessoas q devem guardar o sábado.” Meus parentes, meus filhos, meus netos, meus amigos, meus vizinhos, por ai vai. Pedido em cima de pedidos. Percebeu? Vc não gostaria de perder nenhum parente. Gostaria? Acredito, q não! Observe q no capítulo 14.6 João viu “outro anjo q voava no meio do céu, com um evangelho eterno para anunciar aos habitantes da terra, a toda nação, tribo, língua e povo.” Veja um pouco antes q esse povo os 144.000, não se contaminaram com mulheres(igrejas), são virgens(puros) estes seguem o cordeiro(Jesus), onde quer q ele vá. Estes foram resgatados dentre os homens, como primicias para Deus e para o cordeiro(Jesus),(verso 4). Amigos estes não se contaminaram com igrejas apóstatas, são puros(virgens) eles sentem a necessidade de professar uma fé genuína e sincera. Apostasia tbm pode ser distinguido como, não andar devidamente na verdade. Isso, cabe a nós tbm!! “Esses na sua boca jamais foi encontrada mentira, são íntegros”(verso 5). Veja q muitos desses remanescentes 144.000 ficam por vezes sozinhos em pé, não tem na terra, quem os sustente, e estão cheios de piores inimigos, muitas vezes são perseguidos, torturados, e até mortos, porém não vacilam. Exemplo:”Pastor youcef” ele disse: “não mudarei de fé”(parafraseado). Percebeu? Esses são os verdadeiros remanescentes fiéis(144.000). Existem muitos que dizem: eu posso, eu irei, eu pastor, eu sou um membro fiel, eu isso, eu sou aquilo, tem o governo a seu lado, tem a polícia, tem a educação, tem as finanças, tem e mais tem. Estes ainda estão distantes de possuir a características do remanescente fiel(144.000). Pois em tudo ao seu lado, porém na maior dificuldade ficam com raiva. Basta uma crítica e eles explodem: disfarçando em palavras, desejos, e porque não dizer, dinheiro. Sinto muito lhe dizer: falta-lhe respeito. Perdoe-me! Respeito pelos sinceros, respeito pelos realmente aflitos, respeitos pelos abatidos de espírito. “Raça de víboras, de duras servis como escapareis do fogo do inferno?” Não, não escapareis! Assim diz o Senhor: Tenho no meio do povo, os remanescentes fiéis, os q choram, os q se angustiam, os q sofrem, os humildes, os abatidos, os doentes, os necessitados, e os íntegros. Esses sim são os 14.000 um povo simbólico , muitos e muitos, uma grande multidão q ninguém os conhece, mas existe! E existe, há muitos tempos. Desde o começo do mundo, e até o final do mundo. A mensagem é esta: ” Ele diz em ALTA VOZ: “TEMEI A DEUS E DAI-LHES GLORIA , POIS CHEGOU A HORA DO SEU JUÍZO[JULGAMENTO] ADORAI AQUELE Q FEZ O CÉU E A TERRA, O MAR E AS FONTES.”(Apoc.14.7) É amigos temer a Deus é:”E responder-lhes-á o Rei: Em verdade vos digo que, sempre que o fizestes a um destes meus irmãos, mesmo dos mais pequeninos, a mim o fizestes.”(Mateus 25.41). Analogia de Mateus com Apocalipse de João tem tudo haver com a mensagem dos 144.000. Percebeu? Os remanescentes fiéis, procuram ser bons, como um pastor q cuida das suas ovelhas(verso 32). “Em verdade vos digo q, todas as vezes q o deixastes de fazer um destes pequeninos, foi a Mim q o deixastes de fazer.(verso 45). Vcs perceberam a mensagem de amor neste texto? Amor para aqueles q são forasteiros e não tem onde morar, amor para os q não tem o q comer, amor para os q tem fome, (de justiça, da palavra, e de comida), amor para os q não tem o q vestir, amor para os enfermos e para os presos sem visitas.(versos, 35-39). Porém, os 144.000 não sabem direito quando fizeram isso.(verso 40). E por não saberem é q irão ouvir: “Vinde benditos de meu Pai, possui por herança o reino q vos está preparado desde a fundação do mundo.”(verso 34). Sim são estes os q se identificam com a mensagem dos remanescentes fiéis dos últimos dias. São estes verdadeiros reformadores do evangelho eterno, os mártires, os injuriados, os sofridos, os angustiados e por ai vai. Perceba q Deus tem uma mensagem de felicidade para eles “Ouvi então uma VOZ DO CÉU, DIZENDO:” ESCREVE: FELIZES(BEM-AVENTURADOS) OS MORTOS, OS Q DESDE AGORA MORREM NO SENHOR, SIM, DIZ O ESPÍRITO[SANTO], Q DESCANSEM DE SUA FADIGAS, POIS SUAS OBRAS OS ACOMPANHAM.”(APOCALIPSE 14.13). Sabe amigos, são estes q Deus quer q eles fiquem descansando, esperando a sua ressurreição,pois suas boas obras, mostram aos outros q o q deve ser feito, o mesmo q eles fizeram e compartilharam com outros. São estes remanescentes fiéis os 144.000 q irão ver: “DEPOIS, DISSO[OU SEJA DAS PERSEGUIÇÕES, DAS AFLIÇÕES, DAS ANGÚSTIAS, PROVAÇÕES E MORTE] OLHEI: HAVIA UMA NUVEM BRANCA, E SOBRE A NUVEM ALGUÉM SENTADO, SEMELHANTE A UM FILHO DO HOMEM, COM UMA COROA DE OURO NA CABEÇA E NAS MÃOS UMA FOICE AFIADA.”(VERSO 14). Amigos esse nas nuvens é, JESUS CRISTO, q veio ceifar os 14.000(os remanescentes fiéis) Vcs,amigos!! Seja, um desses meu desejo. Abraço!

  13. creio que os 144mil sao separados da grande multidao,comem bebem diferente dos salvos da multidao ou seja vejetarianos tem o carater de cristo e prega verdade peito aberto,144mil nao vao esperimentar da morte,noe ja moreu…fiquem com DEUS..

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s