A Posição da Igreja Adventista Sobre a Aids

A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Aids) e as condições a ela relacionadas estão se espalhando rapidamente ao redor do mundo. Com base em estudos estatísticos, estima-se que no futuro próximo, em muitos países do mundo, cada congregação da igreja com cem membros ou mais terá pelo menos um amigo ou parente com Aids.

A Aids é transmitida principalmente através de dois meios básicos: intimidade sexual com uma pessoa contaminada e introdução de sangue contaminado com HIV (iniciais, em inglês, de vírus da imunodeficiência humana) no corpo, seja por meio de injeções com agulhas e seringas não esterilizadas, seja por meio de produtos derivados de sangue contaminado.

A Aids pode ser prevenida evitando o contato sexual antes do casamento e mantendo um relacionamento monogâmico fiel no matrimônio com uma pessoa não-contaminada, e evitando o uso de agulhas não esterilizadas em injeções e garantindo a segurança dos produtos de sangue.

Os adventistas estão comprometidos com a educação para a prevenção da Aids. Durante muitos anos, os adventistas têm lutado e continuam lutando contra a circulação, a venda e o uso de drogas. Eles apóiam a educação sexual que inclui o conceito de que a sexualidade humana é um dom de Deus à humanidade.

A sexualidade bíblica limita claramente as relações sexuais a um cônjuge e exclui os relacionamentos promíscuos e todos os outros tipos de relações e o conseqüente aumento de exposição ao HIV.

A reação cristã à Aids deve ser pessoal — compassiva, prestimosa e redentora. Assim como Jesus cuidava daqueles que tinham lepra, a temida enfermidade transmissível dos Seus dias, Seus seguidores hoje cuidarão daqueles que têm Aids. Tiago admoesta: “Que bem existe em lhes dizer: Que Deus os abençoe! Agasalhem-se e comam bem! — se vocês não dão a eles o que precisam para viver?” (Tiago 2:16).

Esta declaração foi liberada pelo então presidente da Associação Geral, Neal C. Wdson, depois de consulta com os 16 vice-presidentes mundiais da Igreja Adventista, em 5 de julho de 1990, durante a assembléia da Associação Geral realizada em Indianápolis, Indiana.

Fonte: “Declarações da Igreja”.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em A Posição da Igreja Adventista e marcado , . Guardar link permanente.

3 respostas para A Posição da Igreja Adventista Sobre a Aids

  1. Luiz Henrik disse:

    Parabéns esclareceu muito bem sore o assunto da Aids =D

  2. Fabiano disse:

    MUITO BOM ASSUNTO POIS EU NUNCA PENSEI NESSA POSSIBILIDADE EM MINHA VIDA POIS CONTRAI O VIRUS E HOJE NÃO TENHO FORÇA DE VOLTAR PARA IGREJA,PEÇO ORAÇÃO ESTOU BEM MAS AINDA CHORO MUITO TENHO UM FAMÍLIA DISTANTE DE DEUS ME AJUDEM EM ORAÇÃO DEUS ME CONHECE

  3. Claudio disse:

    Sou gay, sou soropositivo, adventista de berço e mais: SOU PECADOR! mas uma coisa posso lhe afirmar: NUNCA ABANDONAREI OS CAMINHOS DO SENHOR, pq é ELE que me sustenta na hora da aflição, conhece os meus pensamentos e meu coração e é ELE que vai me salvar e me transformar e não irmão de igreja!!!

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s