Estudando o caráter de Cristo

Então, não ficaria confundido, atentando eu para todos os Teus mandamentos. Salmos 119:6.

Poder-nos-íamos tornar desesperadamente perplexos neste mundo, como o diabo deseja que fiquemos, caso demorássemos o olhar nessas coisas que são desconcertantes; pois, nelas demorando, e falando nelas, ficamos desanimados. Criticando os outros por deixarem de mostrar amor, mataremos a preciosa planta do amor no próprio coração. Acaso experimentamos e apreciamos individualmente o calor do amor que Cristo apresentava em Sua vida? É então dever nosso manifestar esse amor ao mundo. Temamos demorar nos grandes erros cometidos por outros, contemplá-los e neles falar.

Podeis criar um mundo irreal em vosso próprio espírito, e pintar uma igreja ideal, onde as tentações de Satanás não mais instigarão ao mal; mas a perfeição só existe em vossa imaginação. O mundo é um mundo caído, e a igreja é um lugar representado por um campo em que crescem joio e trigo. Estes devem crescer juntos até à ceifa. Não nos pertence arrancar o joio, segundo a sabedoria humana, não seja que, sob as sugestões de Satanás, o trigo seja arrancado também.

Ninguém precisa perder seus áureos momentos de tempo na breve história da existência que é a sua, procurando pesar as imperfeições dos professos cristãos. Nenhum de nós tem tempo de assim fazer. Se vemos claramente que espécie de caráter os cristãos devem formar, e ainda vemos em outros aquilo que é incoerente com este caráter, decidamos resistir firmemente ao inimigo em suas tentações para nos levar a proceder de modo incoerente, e digamos: “Não farei com que Cristo Se envergonhe de mim. Hei de estudar mais diligentemente o caráter de Cristo em quem não houve imperfeição, nem egoísmo, nem mácula, nem mancha do mal, que não viveu para Se agradar e Se glorificar a Si mesmo, mas a Deus, e salvar a humanidade caída. Não imitarei o caráter defeituoso desses incoerentes cristãos. … Volver-me-ei para o precioso Salvador, para que seja semelhante a Ele”.

Ellen G. White, Nossa Alta Vocação, pág. 243.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Nossa Alta Vocação e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Estudando o caráter de Cristo

  1. Amado Nicoli disse:

    AMÉM

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s