O segredo do contentamento

Mas é grande ganho a piedade com contentamento. 1 Timóteo 6:6.

A religião pura traz paz, felicidade, contentamento; a piedade é proveitosa para esta vida e a futura.

Aquele desassossego e descontentamento que finda na irritação e no queixume, é pecaminoso; mas o descontentamento consigo mesmo que induz o mais diligente esforço por maior aperfeiçoamento da mente para mais amplo campo de utilidade, é digno de louvor! Esse descontentamento não termina em decepção mas em reunir as forças para mais elevado e extenso campo de utilidade. Sede tão-somente equilibrados por firmes princípios religiosos e uma consciência sensível, tendo sempre o temor de Deus diante de vós, e certamente haveis de prosperar em habilitar-vos para uma vida útil.

Devemos viver para o mundo vindouro. É tão indigno viver uma vida ao acaso, destituída de objetivo! Carecemos de uma finalidade na vida — viver com um desígnio. Deus nos ajude a todos a ser abnegados, menos cuidadosos por nós mesmos, mais esquecidos do nosso eu e dos interesses egoístas; e a fazer bem, não pela honra que esperamos receber aqui, mas porque esse é o objetivo de nossa vida e corresponderá ao fim de nossa existência. Ascendam diariamente nossas orações a Deus para que Ele nos despoje do egoísmo.

Tenho visto que os que vivem para um desígnio, buscando beneficiar e ser uma bênção a seus semelhantes e honrar e glorificar a Seu Redentor, são as pessoas verdadeiramente felizes na Terra, ao passo que o homem inquieto, descontente, que busca isto e experimenta aquilo, esperando encontrar felicidade, está sempre queixoso de decepções. Está sempre em falta, nunca satisfeito, pois vive para si mesmo apenas. Seja vosso objetivo fazer bem, desempenhar fielmente vossa parte na vida.

Sede ansiosos e diligentes em crescer na graça, buscando mais distinta e inteligente compreensão da vontade de Deus quanto a vós mesmos, esforçando-vos zelosamente para alcançar o prêmio que está diante de vós. Unicamente a perfeição cristã obterá as vestes imaculadas de caráter que vos habilitarão a permanecer perante o trono de Deus entre a multidão lavada pelo sangue, empunhando a palma da eterna vitória e do triunfo perpétuo.

Ellen G. White, Nossa Alta Vocação, pág. 239.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Nossa Alta Vocação e marcado . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s