Não é nossa obra criticar

Não julgueis, para que não sejais julgados. Pois, com o critério com que julgardes, sereis julgados; e, com a medida com que tiverdes medido, vos medirão também. Mateus 7:1, 2.

Nosso corpo é formado pelo que comemos e bebemos; e o caráter de nossa vida espiritual depende daquilo de que nos nutrimos e assimilamos mentalmente. Demorando-nos continuamente nos erros e defeitos de outros, muitos se tornam dispépticos religiosos. … Os que se acham tão ocupados em dissecar palavras e atos dos outros, para descobrir tudo quanto é desagradável, deixam de distinguir as coisas boas e aprazíveis. Não comem do alimento apropriado para promover vitalidade espiritual e saudável crescimento.

O Senhor não Se agrada de Seu povo quando negligencia criticar a si mesmo, criticando ao contrário os demais. Essa é a obra de Satanás. Quando fazeis essa obra, lembrai-vos de que o inimigo está se servindo de vós como instrumento para tentar outros, de modo que aqueles que devem estar unidos em harmonia e satisfação, edificando-se uns aos outros na santíssima fé, estejam ansiosos e se queixando porque alguém está pecando. Cristo não vos fez um portador de pecados. Não podeis sequer levar os vossos próprios. Sede portanto muito cautelosos de não lançar nenhum opróbrio contra vosso próximo. Deus quer que Seu povo seja livre. … Não nos lembraremos de que pelas palavras que falamos podemos ferir ou curar? Não nos lembramos de que, como julgarmos, seremos julgados, nós que talvez tenhamos tido muito mais oportunidades do que aqueles a quem julgamos?

Nosso coração precisa sensibilizar-se em benignidade e amor uns pelos outros. Podemos criticar-nos a nós mesmos tão severamente quanto nos aprouver. Aquele que critica a outro dá prova de que ele próprio é que necessita de ser criticado. Orai a Deus para que vos mostre o que precisais tirar de vós mesmos a fim de poderdes ver o reino de Deus.

Há uma coroa para o vencedor. Quereis essa coroa? Quereis correr com paciência a carreira? Então não busqueis achar alguma coisa para condenar em vosso semelhante, mas olhai direito a Jesus Cristo. Contemplai-Lhe a pureza, e ficareis encantados e refletir-Lhe-eis a semelhança. Isso é o que Deus quer que façamos.

Ellen G. White, Nossa Alta Vocação, pág. 229. 

Anúncios

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Nossa Alta Vocação e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Não é nossa obra criticar

  1. Deus tbm que quer nós rejeitemos o pecado. “Pecado é transgressão da lei”, aqueles que pensam q estarem quietos diante do que acontece no mundo, serão rejeitados diante de Deus!, não vejo nenhum problema em discordar das coisas relevantes a qual se trata com leviandade. A questão é não ser, alienado, pois a pessoa q está sob jugo de não poder:falar, agir, comentar, e etc; porque muitas vezes quer agradar a administração religiosa ou outros, para mim é um covarde.E segundo à própria Bíblia diz: “…Mas aos covardes… não entrarão no reino dos Céus.” (Apocalipse 21.8); e perceba que o contexto fala da cidade santa, onde os seres humanos irão morar(povos), e lá não haverá tais pessoas que praticam imoralidades, mentira, adoração a ídolos, aqueles que traem e etc. Isso sim! é o q causa a não ida e não entrada na cidade santa. Até mais!

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s