Ninguém livre da tentação

Que, mediante a fé, estais guardados na virtude de Deus, para a salvação já prestes para se revelar no último tempo, em que vós grandemente vos alegrais, ainda que agora importa, sendo necessário, que estejais por um pouco contristados com várias tentações. 1 Pedro 1:5, 6.

Não penseis que a vida cristã seja livre de tentações. As tentações sobrevêm a todo cristão. Tanto o cristão como aquele que não aceita a Cristo como seu Líder, têm provas. A diferença está em que o último serve a um tirano, em seu serviço vil, ao passo que o cristão serve Aquele que morreu para lhe dar vida eterna. Não olheis para as provações, como coisa estranha, mas como o meio pelo qual somos purificados e fortalecidos. “Tende por motivo de toda a alegria o passardes por várias provações,” adverte Tiago, “sabendo que a provação da vossa fé… produz perseverança.” Tiago 1:2, 3.

Na vida futura compreenderemos coisas que aqui nos fazem muito perplexos. Reconheceremos então quão forte Ajudador tínhamos, e como os anjos de Deus eram comissionados para nos guardar, ao seguirmos o conselho da Palavra de Deus.

A todos os que O recebem, Cristo dará poder para tornarem-se filhos de Deus. É Ele auxílio presente em todo tempo de necessidade. Envergonhemo-nos de nossa fé vacilante. Os que são vencidos só podem culpar-se a si mesmos do fracasso na resistência ao inimigo. Todos os que quiserem podem ir a Cristo e encontrar o auxílio de que precisam.

Está entre vós o poderoso Conselheiro dos séculos, convidando-vos a depordes nEle vossa confiança. Deveremos acaso volver-nos dEle, dirigindo-nos a seres humanos, que são tão dependentes de Deus quanto nós mesmos? Porventura nos deixamos ficar tão aquém de nossos privilégios? Não temos sido culpados de esperar tão pouco que não pedimos a Deus aquilo que Ele está anelante por nos dar?

“As benignidades do Senhor mencionarei e os muitos louvores do Senhor, consoante tudo o que o Senhor nos concedeu, e a grande bondade para com a casa de Israel. … Porque o Senhor dizia: Certamente, eles são Meu povo, filhos que não mentirão. Assim Ele foi seu Salvador. Em toda a angústia deles foi Ele angustiado, e o Anjo da Sua presença os salvou; pelo Seu amor e pela Sua compaixão, Ele os remiu, e os tomou, e os conduziu todos os dias da antiguidade.” Isaías 63:7-9.

Ellen G. White, Cuidado de Deus, pág. 172.

Anúncios

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em O Cuidado de Deus, Tentação e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s