Palavras bondosas e corteses

O Senhor Jeová me deu uma língua erudita, para que eu saiba dizer, a seu tempo, uma boa palavra ao que está cansado. Ele desperta-me todas as manhãs, desperta-me o ouvido para que ouça como aqueles que aprendem. Isaías 50:4.

O que Cristo foi em Sua vida na Terra, isso todo cristão deve ser. Ele é nosso exemplo, não só em Sua pureza imaculada, mas em Sua paciência, amabilidade e disposição cativante. Era firme qual rocha no que respeitava à verdade e ao dever, mas invariavelmente bondoso e cortês. Sua vida foi uma ilustração perfeita da verdadeira cortesia. Tinha sempre um olhar bondoso e uma palavra de conforto para o necessitado e oprimido. … Sua presença levava uma atmosfera mais pura para o lar, e Sua vida era qual fermento a levedar os elementos da sociedade. Inocente e imaculado, andou entre os inconsiderados, os rudes, os descorteses; em meio aos injustos publicanos, os malvados samaritanos, os soldados pagãos, os rudes camponeses e a multidão.

Dirigia uma palavra de simpatia aqui, outra palavra acolá, quando via homens cansados e obrigados a levar cargas pesadas. Partilhava de suas preocupações, e repetia-lhes as lições que aprendera da natureza, do amor, da bondade, da benevolência de Deus. Procurava inspirar esperança ao mais rude e pouco promissor, expondo-lhe a certeza de que poderia tornar-se inculpável e bondoso, alcançando um caráter que o tornaria conhecido como filho de Deus. …

Jesus assentava-Se como hóspede honrado à mesa dos publicanos, mostrando, por Sua simpatia e cortesia social que Ele reconhecia a dignidade dos homens; e os homens anelavam tornar-se dignos de Sua confiança. Em seu espírito sedento Suas palavras caíam com poder bendito e vivificante. Novos impulsos se despertavam, e abria-se àqueles rejeitados da sociedade a possibilidade de uma nova vida.

A religião de Jesus abranda tudo que é duro e rude no temperamento, e suaviza tudo que é áspero e escabroso nas maneiras. É esta religião que torna as palavras amáveis e cativante o comportamento. Aprendamos de Cristo a combinar um alto senso de pureza e integridade com uma disposição amável. O cristão bondoso e cortês é o mais poderoso argumento que se possa apresentar em favor do evangelho.

Ellen G. White, Cuidado de Deus, pág. 167.

Anúncios

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em O Cuidado de Deus e marcado . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s