Intercessor pessoal

Quem os condenará? Pois é Cristo quem morreu ou, antes, quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós. Romanos 8:34.

O Senhor Jesus é vosso intercessor pessoal. … Repeti sempre, muitas vezes durante o dia: “Jesus morreu por mim. Ele me viu em perigo, exposto à destruição, e derramou a vida para me salvar. Não é sem piedade que Ele contempla os que se prostram a Seus pés, trêmulos suplicantes, e portanto não deixará de me erguer.” Ele Se tornou o Advogado do homem. Tem erguido os que nEle crêem, pondo-lhes à disposição uma casa de tesouros de bênçãos. Os homens não podem conceder a seus semelhantes uma bênção sequer, não podem remover uma única mancha do pecado. Unicamente o mérito e justiça de Cristo é que terão qualquer valor, mas esse mérito e essa justiça são colocados ao nosso crédito em rica plenitude. Podemos recorrer a Deus a todo momento. Ao nos volvermos a Ele, responde: “Aqui estou!”

Cristo Se proclama a Si mesmo nosso Intercessor. Deseja que saibamos que Ele graciosamente Se comprometeu a ser nosso Substituto. Coloca Seu mérito no incensário de ouro, para o oferecer com as orações de Seus santos, de modo que as orações de Seus queridos filhos possam ser misturadas com o Seu fragrante mérito, ao ascenderem ao Pai, na nuvem de incenso.

O Pai ouve cada oração de Seus filhos contritos. A voz das súplicas da Terra une-se à voz de nosso Intercessor, que pleiteia no Céu — voz que o Pai sempre ouve. Ascendam, pois, continuamente a Deus as nossas orações. Não se exprimam elas em nome de qualquer ser humano, mas em nome dAquele que é nosso Substituto e Penhor. Cristo nos deu Seu nome, para o usarmos. Diz Ele: “Pedi em Meu nome.”

Jesus vos recebe e vos dá as boas-vindas, como amigos Seus. Ele vos ama; comprometeu-Se convosco, para abrir ante vós todos os tesouros de Sua graça, para deles vos apropriardes. Diz Ele: “Naquele dia, pedireis em Meu nome, e não vos digo que Eu rogarei por vós ao Pai, pois o mesmo Pai vos ama, visto como vós Me amastes e crestes que saí de Deus.” João 16:26, 27. Diz Ele, virtualmente: Fazei uso de Meu nome, e ele será vosso passaporte para o coração de Meu Pai, e para todas as riquezas de Sua graça.

Ellen G. White, Cuidado de Deus, pág. 158.

Anúncios

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em O Cuidado de Deus e marcado . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s