Parceria divino-humana

As Tuas mãos me fizeram e me afeiçoaram; dá-me inteligência para que aprenda os Teus mandamentos. Salmos 119:73.

O organismo humano é obra das mãos de Deus. Por Ele foram feitos os órgãos, empregados nas diversas funções do corpo. O Senhor nos dá comida e bebida, para que sejam supridas as necessidades do corpo. Deu Ele à terra diferentes propriedades, adaptadas à produção de mantimento para Seus filhos. Dá Ele a luz do Sol e os aguaceiros, a chuva temporã e a serôdia. Forma as nuvens e envia o orvalho. Tudo são dons Seus. Tem-nos concedido liberalmente as Suas bênçãos. Mas todas essas bênçãos não restaurarão Sua imagem moral a menos que cooperemos com Ele, esforçando-nos para conhecer a nós mesmos, para compreender como cuidar da delicada máquina humana. O homem precisa, diligentemente, ajudar a manter-se em harmonia com as leis da natureza. Aquele que coopera com Deus na obra de conservar em ordem essa máquina maravilhosa, que consagra a Deus todas as faculdades, procurando obedecer inteligentemente às leis da natureza, apresenta-se na varonilidade concedida por Deus, e é registrado no Céu como homem.

Deus concedeu ao homem terra para ser cultivada. Mas para que possa ser colhida a seara, tem de haver ação harmônica entre os instrumentos divinos e os humanos. O arado e outros implementos de trabalho têm de ser usados no tempo devido. A semente tem de ser lançada em sua estação própria. O homem não deve faltar em sua parte. Se é descuidado e negligente, sua infidelidade testifica contra ele. A colheita será proporcional à energia que ele despendeu.

Assim se dá nas coisas espirituais. … Tem de haver parceria, relação divina entre o Filho de Deus e o pecador arrependido. Somos feitos filhos e filhas de Deus. “A todos quantos O receberam deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus.” João 1:12. Cristo provê a misericórdia e a graça tão abundantemente dadas a todos os que nEle crêem. Cumpre Ele as condições das quais depende a salvação. Mas temos de fazer nossa parte, aceitando a bênção com fé. Deus realiza, e realiza o homem. A resistência à tentação tem de vir do homem, que tem de derivar de Deus o poder. Assim ele se torna um parceiro de Cristo.

Ellen G. White, Nos Lugares Celestiais, pág. 159.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Nos Lugares Celestiais e marcado . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s