Não recuse este convite

Não retarda o Senhor a Sua promessa, como alguns a julgam demorada; pelo contrário, Ele é longânimo para convosco, não querendo que nenhum pereça, senão que todos cheguem ao arrependimento. II Ped. 3:9.

Um general americano chamado Taylor encontrou a fama ao confrontar um exército três vezes maior do que o seu. As forças mexicanas do General Santa Anna ameaçavam destruir suas tropas. Inferiorizado numericamente, Taylor conseguiu manobrar com maior competência, conquistando uma vitória decisiva na Batalha de Buena Vista, tornando-se um herói nacional. Depois que se aposentou e voltou para casa em Baton Rouge, recebia muitas cartas de congratulações. No início, Taylor gostava de recebê-las; porém, em pouco tempo, havia mais do que ele podia responder. Muitas nem tinham selo e começaram a ficar empilhadas no correio.

Finalmente, o general decidiu que não receberia nenhuma carta. O correio local passou a enviar as cartas para um depósito de “cartas mortas” em Washington. Isso seria o fim da história, e também o fim da carreira de Taylor, não fosse uma visita casual de um velho amigo, que lhe perguntou se não havia recebido uma carta muito importante, da Filadélfia.

Taylor já não estava recebendo muita correspondência, mas seu amigo o convenceu a contactar o depósito de “cartas mortas” e tentar recuperar aquela carta. E assim ele fez. Na verdade, a carta era um convite para uma certa convenção política na Filadélfia, onde foi apontado como candidato à presidência. Foi assim que o General Zachary Taylor tornou-se o 12º presidente dos Estados Unidos, embora quase tivesse perdido a chance.

O convite mais maravilhoso é o do Senhor, para que vivamos com Ele a eternidade. Mas é possível perdê-lo. Infelizmente, muitas pessoas o negligenciam, sem escapatória. A epístola aos Hebreus concorda. “Como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação?” Heb. 2:3. A salvação é muito mais do que a nossa resposta inicial ao chamado de Cristo. Todos os dias, Ele nos convida a segui-Lo. Através do Seu Espírito, insiste para que O sirvamos. Convida-nos diariamente a fazer a mesma escolha que fizemos um dia, respondendo aos apelos do Seu amor.

Vamos dizer-Lhe outra vez: “Senhor, aceito o convite; sou Teu, hoje.”

Pr. Mark Finley – Sobre a Rocha.

Anúncios

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Sobre a Rocha e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Não recuse este convite

  1. dsa1705 disse:

    É sem dúvida alguma um convite irrecusável. O pecador que se defronta com tal chamado não deveria olvidá-lo, jamais. Não fosse um impedimento legal criado pela IASD através do voto DSA 2005/246, ainda em vigência, segundo o Guia para secretarias da DSA. Há muitos que não foram felizes em seus casamentos que gostariam de renovar sua fé tal qual renovaram suas vidas através de um segundo casamento, agora, com maior responsabilidades pois tomaram conhecimento através desse voto e da experiência anterior, das complicações físicas, jurídicas e espirituais que tal atitude acarreta. Ao estipular um prazo de “dez anos” a partir do recasamento no civil para o pecador retomar a “qualidade de membro da IASD” através do rebatismo, fica flagrante o impedimento para receber o pecador arrependido. Em tempo: a redação do da 2ª consideração do referido voto ( • Considerando que, nas palavras do Manual da Igreja, “as opções acessíveis à pessoa arrependida devam ser severamente limitadas”) trocou o verbo Podem ser, segundo o manual por “devam ser” mudando completamento o sentido de tal frase, tornando-a imperativa no cumprimento da resolução (“VOTADO que os seguintes critérios sejam seguidos em todo o território da Divisão Sul-Americana nos casos de pedido de readmissão de
    pessoas que se encontram na situação mencionada, como segue:
    1. Que a pessoa esteja casada por um período de dez anos”); Permitamos que tais pessoas possam não só confirmar “Senhor, aceito o convite; sou Teu, hoje.” como também serem recebidas na comunhão da Igreja para a Glória de Cristo.
    ;

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s