Obra do coração

Eis que amas a verdade no íntimo, e no oculto me fazes conhecer a sabedoria. Salmos 51:6.

A verdade tem de tornar-se de fato verdade para o recebedor, para todos os efeitos. Tem de ser impressa no coração.

“Com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.” Romanos 10:10. “Amarás ao Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças, e de todo o teu entendimento.” Lucas 10:27. Esse é o serviço que Deus aceita. Coisa alguma menos do que isso é por Ele considerada como religião pura e incontaminada. O coração é a cidadela do ser, e até que esteja completamente do lado do Senhor, o inimigo alcançará constantes vitórias sobre nós, por suas tentações sutis.

Plena e abundante é a providência que foi tomada para que recebamos misericórdia, graça e paz. Por que, então, procedem os seres humanos como se entretivessem a idéia de ser a verdade um jugo de servidão? É porque o coração nunca provou e viu que o Senhor é bom.

O mundo está repleto de ensinos falsos, e se não examinarmos resolutamente as Escrituras por nós mesmos, aceitaremos os erros do mundo como se fossem verdade, adotaremos os seus costumes e enganaremos nosso coração. Suas doutrinas e costumes divergem da verdade de Deus.

É questão da mais alta importância e interesse para nós, que entendamos o que é a verdade, e devemos com intenso fervor suplicar que sejamos guiados em toda a verdade.

A verdade é sagrada, divina. É mais forte e mais poderosa do que qualquer outra coisa, para a formação do caráter segundo a semelhança de Cristo. Nela há plenitude de alegria. Quando é acariciada no coração, o amor de Cristo é preferido ao amor de qualquer ser humano. Isso é cristianismo. Isso é o amor de Deus na vida. Assim a pura, inadulterada verdade ocupa a cidadela do ser.

Quando a verdade, como é em Jesus, molda nosso caráter, ela será vista como sendo de fato verdade. À medida que é contemplada pelo crente, ela se irá tornando mais e mais brilhante, resplandecendo em sua formosura original. Aumentará seu valor, estimulando e vivificando a mente e subjugando a rudeza de caráter, egoísta e anti-cristã. Enobrecerá nossas aspirações, habilitando-nos a alcançar a perfeita norma de santidade.

Ellen G. White, Nos Lugares Celestiais, pág. 141.

Anúncios

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Nos Lugares Celestiais e marcado . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s