Filhos, não escravos

Por isso, recebendo nós um reino inabalável, retenhamos a graça, pela qual sirvamos a Deus de modo agradável, com reverência e santo temor. Hebreus 12:28.

Muitos há que professam ser seguidores de Cristo, e todavia não são praticantes de Sua Palavra. Não se deleitam nessa Palavra, pois apresenta serviço que não lhes agrada. Não têm prazer nas salutares reprovações e nos apelos estritos e veementes. Não amam a justiça, mas são dominados e tiranizados por seus extravagantes impulsos humanos.

Faz muita diferença a maneira como fazemos serviço para Deus. O menino que lida penosamente com suas lições porque precisa aprender, nunca será um verdadeiro estudante. O homem que pretende guardar os mandamentos de Deus porque pensa ser preciso fazê-lo, nunca entrará no regozijo da obediência.

A essência e o perfume de toda obediência é o resultado de um princípio interior — o amor à justiça, o amor à lei de Deus. A essência de toda justiça é lealdade a nosso Redentor, proceder retamente porque isso é direito. Quando a Palavra de Deus é um fardo porque fere diretamente as inclinações humanas, então a vida religiosa não é uma vida cristã, mas esforço penoso e tensão, uma obediência forçada. Toda pureza e piedade da religião são postas à margem.

A adoção na família de Deus, porém, faz-nos filhos, não escravos. Quando o amor de Cristo entra no nosso coração, esforçamo-nos por imitar o caráter de Cristo. … Quanto mais Lhe estudamos a vida com o coração disposto a aprender, tanto mais semelhantes a Ele nos tornamos. No coração de todo verdadeiro praticante da Palavra o Espírito Santo infunde clara compreensão. Quanto mais crucificamos as práticas egoístas mediante o comunicar aos outros nossas bênçãos, e o exercer as faculdades que Deus nos concedeu, tanto mais se fortalecerão e aumentarão as graças celestes em nós. Cresceremos em espiritualidade, em paciência, em fortaleza, em mansidão, em benignidade. … Um comboio de vagões não somente se acha ligado à máquina; seguem pelo mesmo trilho que ela. A quem estamos nós seguindo?

Ellen G. White, O Cuidado de Deus, pág. 129.

Anúncios

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em O Cuidado de Deus e marcado . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s