Lidando com a estafa – 2

De sorte que somos embaixadores em nome de Cristo, como se Deus exortasse por nosso intermédio. Em nome de Cristo, pois, rogamos que vos reconcilieis com Deus. II Cor. 5:20.

Mark Ritchie é um corretor na Bolsa de Chicago, a maior corretora de aplicações em mercados futuros e opções do mundo. Ali pode-se ganhar ou perder fortunas em questão de segundos. Centenas de homens e mulheres ficam de olho nos placares eletrônicos, sinalizando agitados.

Ritchie trabalha nesse estressante ramo por vários anos. Ele montou sua corretora, a CRT, tornando-a o que o Wall Street Journal chamou de “a empresa invejada desse mercado”. Mas o seu senso de valores, sólido como uma rocha, o tem livrado de ser absorvido pelas demandas do trabalho, mantendo-o em paz no meio daquele frenesi.

Ritchie assume os valores cristãos no mercado financeiro. Sua maior paixão é ajudar pobres a se tornarem empresários independentes, investindo nisso parte dos seus lucros. Cerca de 120 mulheres nas favelas de Nairobi, Quênia, agora produzem artigos de malha porque têm máquinas simples, acionadas com o pé, fornecidas por ele.

Ritchie não está imunizado contra os riscos dos investimentos. Já chegou a perder 200 mil dólares no mercado do ouro, em apenas um dia. Mas existe algo maior do que números em sua vida: o prazer de ajudar. Para ele, é mais importante ajudar sua esposa, Nancy, e seus cinco filhos do que fechar um negócio arrasador no mercado.

Segundo pesquisas, indivíduos altruístas vivem muito melhor ao lidar com o estresse, do que aqueles motivados apenas pelo poder, posição ou pela carteira. Quando o trabalho nos estressa, é preciso perguntar: Por que estou fazendo isso? É apenas por dinheiro? É por causa dos afagos que recebo? É a sensação de poder exercido sobre outros? Ou há um motivo mais nobre?

Somos embaixadores de Cristo. E isso dá uma nova dimensão à vida.

Pr. Mark Finley, Sobre a Rocha.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Sobre a Rocha, Stress e marcado , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Lidando com a estafa – 2

  1. Tai Franco disse:

    Tenho certeza de que a satisfação em ajudar outros é maior do que ganhar de volta os 200 mil dólares.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s