Exegese de Romanos 5:13 e 14

Pois até à Lei, havia pecado no mundo; o pecado, porém, não é levado em conta quando não existe lei. Todavia, a morte imperou desde Adão até Moisés, mesmo sobre aqueles que não pecaram de modo semelhante à transgressão de Adão, que é figura daquele que devia vir”. (Romanos 5:13-14) – Bíblia de Jerusalém.

Muitas interpretações têm sido apresentadas para estes versos, mas o caminho mais fácil para uma solução de acordo com o que Paulo tencionava dizer, é estudá-los no contexto dos versos 12 a 21. Ele nos relata que Adão através de seu pecado trouxe a morte para todos os homens, mesmo àqueles que não pecaram a sua semelhança.

Adão, o primeiro homem, é um tipo de Cristo, que Paulo chama de “segundo homem” ou “o último Adão”. I Cor. 15:45, 47. É digno de menção que o único vulto do Velho Testamento a ser chamado expressamente de tipo de Cristo é Adão. (Há personagens do Velho Testamento que implicitamente são tratados como “tipos” de Cristo, sendo talvez o mais notável Melquisedeque).

A frase de Thomas Goodwin, presidente do Magdalene College de Oxford é muito significativa: “Diante de Deus há dois homens, Adão e Jesus Cristo, e todos os outros estão pendurados em seus cinturões”.

O relato bíblico nos informa que quando um homem falha Deus escolhe outro para o substituir (Davi substituiu Saul).

A desobediência de Adão trouxe a morte para todos, a obediência de Cristo trouxe vida a todos que o aceitaram.

Sobre esta verdade assim se expressou F.F. Bruce: “Assim, se a queda de Adão colocou toda a sua posteridade sob o domínio da morte, a obediência de Cristo introduziu triunfalmente uma nova raça nos domínios da graça e da vida”. Comentário de Romanos, pág. 104.

Não esquecer que Cristo é um tipo de Adão por contraste.

Em Adão encontramos um ato de transgressão (Versos 12, 15, 17, 19).

Em Cristo um ato de Justiça (Verso 18).

Em Adão todos condenados à morte.

Em Cristo todos têm a possibilidade da justificação para a vida.

 O Problema do Texto

Vários comentaristas têm achado este texto muito difícil, e até apresentado explicações que não podem ser aceitas, por colidirem com outras doutrinas da Bíblia.

“Todavia, a morte imperou desde Adão até Moisés, mesmo sobre aqueles que não pecaram de modo semelhante à transgressão de Adão…”

Em poucas e simples palavras o verso nos mostra que a morte reinou devido à transgressão de Adão, por que então morrer? O argumento de Paulo é que pelo pecado de Adão todos pecaram, mesmo antes da lei ter sido dada por escrito no Sinai (v. 13).

O comentarista Nygreen diz o seguinte sobre esta passagem: “Adão tinha recebido definido mandamento de Deus, instruindo-o com respeito ao seu comportamento. Portanto quando ele pecou, sua ação tinha o caráter de direta transgressão. Antes de falar em transgressão precisa haver um mandamento ou uma lei. Tal era o caso de Adão, mas não o caso daqueles que vieram depois, até que a lei foi dada através de Moisés”.

Havia ou não lei desde Adão até Moisés?

A leitura de apenas dois versos (14 e 15) de Rom. 2 esclarece esta pergunta.

“Quando, pois, os gentios que não têm lei procedem por natureza de conformidade com a lei, não tendo lei, servem eles de lei para si mesmos.

“Estes mostram a norma da lei gravada nos seus corações, testemunhando-lhes a consciência, e os seus pensamentos mutuamente acusando-se ou defendendo-se”.

Duas expressões precisam ser realçadas destes versos:

Eles possuíam a lei da consciência.

A lei gravada no coração era a mesma escrita em tábuas de pedra.

De vários comentários lidos o mais expressivo a meu ver é o do The Interpreter’s Bible, vol.9, pág. 464, que se segue:

“A dificuldade que acabamos de mencionar é o de explicar a morte como penalidade do pecado em vista do fato de que a morte reinou de Adão até Moisés. Pode-se argumentar que, uma vez que foi Moisés quem deu a lei, não poderia haver transgressão nem portanto punição pela transgressão antes de seu tempo; porém, a morte havia de fato reinado. A resposta de Paulo não é tão persuasiva quanto se ele houvesse aqui feito uso da concepção de ‘lei natural’ à qual aludira anteriormente (2:14-15). Sua verdadeira resposta é dizer que embora o pecado não seja levado em conta onde não há lei, ele estava, não obstante, no mundo.

“Mas poder-se-ia perguntar: ‘Se não era levado em conta, por que então deveria o homem morrer por causa dele? Cogita-se por que Paulo não responde apelando para a lei ‘gravada no coração’. Em outras palavras, a lei foi dada muito antes de Moisés, e Deus estava assim em posição de ‘levar em conta’ e punir o pecado desde o princípio. A descrição dos que foram desde Adão até Moisés como aqueles que não pecaram à semelhança da transgressão de Adão pode ajudar a explicar o silêncio de Paulo aqui. Sanday e Headlam entendem a frase ‘não …. à semelhança da transgressão de Adão’ como significando ‘não em violação de um mandamento expresso’.”

Texto de Autoria de Pedro Apolinário extraído da Apostila Leia e Compreenda Melhor a Bíblia.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em A Lei de Deus e Temas Relacionados, Explicação de Textos Difíceis e marcado , , . Guardar link permanente.

5 respostas para Exegese de Romanos 5:13 e 14

  1. W.Frank disse:

    Boa noite!!! Com todo respeito a quem escreveu tal artigo, quando o autor afirma que “Adão, o primeiro homem, é um tipo de Cristo, que Paulo chama de “segundo homem” ou “o último Adão”. I Cor. 15:45, 47″, tenho que mostrar minha discordância. Quando falamos em ‘tipo’ ou ‘símbolo’ estamos fazendo referência a algo, no momento, que representa algo no futuro. O cordeirinho era um tipo de Cristo, pois ele deveria ser sem mancha e sem defeito. Adão não é tipo de Cristo, pois os tipos e símbolos só surgiram depois do pecado para fazer refer~encia a algo que havia de vir. Quando lemos Rm 5:14, é evidente que quem era figura daquele que havia de vir era Moisés e não Adão. Dt 18:18 nos ensina: Suscitar-lhes-ei um profeta do meio de seus irmãos, semelhante a ti, em cuja boca porei as minhas palavras, e ele lhes falará tudo o que eu lhe ordenar. O escritor do livro de Atos cita a mesma passagem para se referir a Jesus – At 7:37. Os períodos que antecedem ao nascimento tanto de Moisés – cativeiro (At 7:6) – e o de Jesus – período intertestamentário – foram de 400 anos. Quando ambos nasceram houve uma gramde mortandade de crianças – Ex 1:22 e Mt 2:16. Nm 12:3 declara: Era o varão Moisés mui manso, mais do que todos os homens que havia sobre a terra. E Cristo era segundo Mt 11:29 : Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma.Ambos ficaram 40 dias no monte. E por fim, ambos ressuscitaram. A frase ” mesmo sobre aqueles que não pecaram de modo semelhante à transgressão de Adão” é uma oração explicativa, como se estivesse entre parenteses. Logo a figura de Cristo era Moisés e não Adão. No mais esse é o principal verso que prova que Moisés ressurgiu da morte, pois o fato e o verso afirmar que a morte perdeu seu império, significa que o Arcanjo Miguel – Jesus – ao ressuscitar Moisés estaria mostrando ao Universo mais um passo do Plano da Salvação. Fiquem todos com Deus.

  2. irmão leitor disse:

    Mas, Frank, o sentido é “o cabeça da humanidade”.
    Adão foi isso, e deixou de ser.
    Cristo assumiu essa posição, e venceu. E assim, nEle, o Pai pode salvar a humanidade.
    Ele aceitou tomar sobre Si a culpa do caído Adão. E pagou por isso. Morreu por ele.

    Deveríamos ver sempre o 1º e o 2º Adões.
    Não vou ignorar as histórias e comparações com os outros, que em certos momentos e aspectos são importantes. Mas os outros nada são em comparação ao 1º e 2º Adões. É neles que nossas histórias se encaixam.

  3. W.Frank disse:

    Concordo com vc irmão, porém, o fato de afirmar que Adão era figura de Cristo é uma falácia. 1) quando Adão fora criado não era necessário o uso de figuras, símbolos ou tipos. 2) no contexto do verso a frase “que é figura daquele que devia vir” faz referência a Moisés e não a Adão.
    Concordo quando vc afirma que eles são o 1° e o 2° Adão, mas afirmar que o 1° seja figura do 2° tem uma diferença muito grande. Talvez seria, com referência a Adão, mais acertado o uso do termo “antifigura”. No texto em questão aparecem dois personagens, Moisés e Adão e a palavra figura. Analisando o que a bíblia nos diz de cada um deles lhe pergunto, e responda com sinceridade : qual dos dois era figura de Cristo???? Boa tarde a todos.

  4. Gilvan Carvalho disse:

    “pecado é a transgressão da lei” (I João 3:4), “mas onde não há lei, também não há transgressão”, (Romanos 4:15) “o povo de Sodoma eram maus e grandes pecadores contra o SENHOR” (Gênesis 13:13). Então, fez o SENHOR chover enxofre e fogo, sobre Sodoma e Gomorra. E subverteu aquelas cidades, e toda a campina, e todos os moradores das cidades, e o que nascia na terra. (Gênesis 19: 24,25) “o pecado não é levado em conta quando não há lei”. (Romanos 5:14).

  5. Antonio Cassio Sobrinho Lopes disse:

    Podemos considerar que a bíblia tem muitas formas de apresentar verdades. Creio que podemos ver uma tipologia de cristo em Adão (contraste), em Josué no livro de Ezequiel, em Davi assim como em Moisés.
    E uma tipologia por contrastes também cabe em outras situações, vemos em apocalipse uma trindade satânica que contrafaz a trindade (Deus, Filho, Espírito Santo).
    Um abraço a todos.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s