A Conspiração da Nova Era

Ojay é uma comunidade na montanha na costa da Califórnia. Ojay é um grande centro de ensinamentos da Nova Era. Aonde quer que vá, você vê evidências da Nova Era. Se você viaja pela rodovia você vê cristais de quartzo pendurados nos espelhos dos carros que passam, se visita o shopping nota estantes recobertas com papel de parede da Nova Era, quando assiste um show de entrevistas, lá estará a atriz Shirley MacLaine falando com entusiasmo sobre a Nova Era.

O que é essa Nova Era, afinal? O movimento Nova Era é um caldeirão cheio de religiões pagãs orientais, misturadas com o espiritismo e temperadas com uma pitada de cristianismo, tudo isso de maneira suficiente para tornar os conceitos da Nova Era saborosos para a sociedade ocidental. O movimento surgiu em 1960 e as raízes de seus ensinamentos vêm de muito antes disso, mas somente nos anos 80 foi que a Nova Era teve sua explosão de popularidade.

Existe algum tipo de conspiração global nisso tudo? Para descobrir, vamos consultar um livro que os adeptos da Nova Era tratam como sua Bíblia: “A Conspiração Aquário” de Marilyn Ferguson. Ela fala do movimento Nova Era como uma “rede sem líderes, mas uma obra poderosa para realizar uma mudança radical nos Estados Unidos.” Portanto há uma rede de adeptos trabalhando para revolucionar a nossa sociedade, mas Ferguson afirma que eles não possuem liderança centralizada.

Isto é verdade, até o momento não encontrei nenhuma evidência de estrutura humana de autoridade. Nada como um partido político ou uma organização religiosa. Entretanto, o pesquisador e editor cristão Kenneth Wade tem uma sugestão interessante sobre uma conspiração.
Li em seu livro “Segredos da Nova Era” o seguinte: “embora ele (o movimento Nova Era) não seja uma organização alinhavada em nível humano, em minhas leituras eu descobri fortes evidências de que existe uma organização em nível sobrenatural que vem trabalhando para unir a rede de pessoas que estão ouvindo os vários espíritos que proclamam a iminência da Nova Era”.

Existe alguma conspiração sobrenatural? Forças espíritas controlam realmente o movimento mundial da Nova Era? Não resta dúvida que, seres espíritas estão envolvidos. Como um enxame hiperativo de abelhas, esses espíritos estão constantemente comunicando novas mensagens da Nova Era através da meditação e mediunidade. Médiuns, são seres humanos que transmitem as mensagens dos espíritos, muitas vezes em estado de transe.

A pergunta importante é: quem são esses espíritos? Eles são anjos de Deus ou demônios do diabo? Embora muitos espíritos da Nova Era usem nomes de personagens da Bíblia, suas mensagens indicam outra fonte porque contradizem a verdade da Bíblia.

Essa questão de mediunidade relembra como o diabo falou com Eva no Jardim do Éden, quando comunicou suas mentiras através da serpente a fim de lançar este mundo na ruína. O alvo do inimigo continua o mesmo. Portanto, temos uma verdadeira conspiração. Satanás e seus anjos caídos usando a meditação da Nova Era e usando médiuns pretende enganar o mundo inteiro… inclusive você e eu.

Existe uma canção popular dos anos 60 que proclama o alvorecer da “Era de Aquário”. Esta “Era de Aquário” é o objetivo da Nova Era de uma era pós-cristã aqui na Terra. Como eles pensam que isso acontecerá? A autora de “A Conspiração Aquário” explica: “temos em nós o poder de fazer a paz dentro de nosso ego distorcido e com os outros, de curar nossa terra natal e a terra inteira.”

Os discípulos da Nova Era imaginam que podem salvar a Terra da guerra, do crime, da poluição e de todas as outras ameaças. Por isso se reuniram há algum tempo atrás, para sua convergência harmônica.

Num fim de semana de agosto de 1987, os seguidores da Nova Era do mundo inteiro se congregaram em 36 pontos que consideram sagrados. Reuniram-se em locais como o Grand Canyon, monte Shasta na Califórnia, nas Pirâmides do Egito e no monte Fuji, no Japão. Eles estiveram de mãos dadas, num círculo, emitindo um som particular. Estavam emitindo a palavra hindu “om”. Supõem-se que esta palavrinha “om”, das escrituras hindu possui um tremendo poder, capaz de gerar força cósmica suficiente para criar uma nova era de paz e amor.

Houve uma razão para o grupo da Nova Era ter escolhido aquele fim de semana em particular de 17 de agosto? Bem, o plano foi esboçado pela primeira vez “há cinco mil anos”. De acordo com algumas culturas antigas, este é um momento em que tem início o fim do mundo, de modo que muitas pessoas meditam e pensam de maneira positiva e assim são capazes de continuar adiante crendo portanto que este será o início do fim. Esta foi a finalidade daquele fim de semana.

A esperança de uma nova era falhou para eles naquela mesma noite. O vôo 255 da Northwest caiu em Detroit, foi o segundo maior desastre aéreo da história dos Estados Unidos até aquele dia. Coisas que os seguidores da Nova Era não esperavam no fim de semana de danças ao sol.

A atuação dos médiuns foi o grande evento da convergência harmônica. Famosas personalidades já falecidas, revelaram supostamente seus desejos harmônicos através dos médiuns.

Em pequenas elevações de uma planície abaixo do monte Shasta, 200 peregrinos de Los Angeles pagaram 35 dólares cada um para ouvirem reverentemente o apóstolo João (dos tempos bíblicos, supostamente) falar a eles através do médium Jerry Bowman.

Não vai nos custar 35 dólares para saber o que o verdadeiro apóstolo João disse sobre a Nova Era. No Novo Testamento ele nos indicou a segunda vinda de Jesus como nossa esperança para o futuro e não a transformação mágica da Terra aqui e agora.

Um outro conflito entre os ensinos da Nova Era e a fé cristã envolve a reencarnação, a crença de que as almas são recicladas neste mundo de uma vida para a próxima. Segundo a Bíblia, vivemos apenas uma vez neste mundo: “E, como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo depois disso o juízo…” (Hebreus 9:27) Portanto morremos apenas uma vez antes de sermos julgados.

A reencarnação da Nova Era tem as suas raízes nos credos hindu e budista, modificada em função dos americanos, que querem se sentir bem sobre si mesmos. A propósito, você já pensou por que as pessoas que crêem na reencarnação, parecem sempre pensar que foram alguém importante em eras passadas? Talvez um cavaleiro do rei Artur… Você raramente ouve alguém declarar:

– Em minha vida passada eu transportava esterco.

A escritora da Nova Era, Corrine McLaughlin, escrevendo para a publicação New Realities, reconheceu o problema: “Uma boa explicação para a popularidade dos médiuns agora, é que eles dizem às pessoas tudo o que os seus egos sempre quiseram ouvir: ‘você pode ter tudo o que quiser, você merece, você é perfeito assim como é, portanto, não precisa se esforçar para ser uma pessoa melhor’ “.

Você quer ser bajulado pela falsidade ou você quer saber a verdade sobre si mesmo? A própria McLaughlin disse assim:

– O modo mais certo de se evitar obter informação falsa, de ser enganado ou controlado por algum médium, é simplesmente não consultá-los.

Não existem muitas publicações da Nova Era com as quais eu esteja de acordo, mas eu concordo com essa.

Uma prova forte dos atraentes enganos envolvidos na reencarnação aconteceu com a própria Shirley MacLaine. Ela foi se consultar com um médium na tentativa de superar uma crise pessoal. Determinada a ser objetiva, ela estava de certo modo cética com relação a toda Nova Era. Durante o transe, de repente a entidade que era canalizada revelou o caso secreto que MacLaine estava tendo com um homem chamado Gerry. E mais, até citou as palavras que o casal tinha trocado particularmente.

MacLaine ficou aturdida. Compelida com a revelação, ela depositou sua fé nas entidades mediúnicas. Sua crença se fortaleceu quando outro espírito explicou porquê ela e Gerry sentiam tanta atração um pelo outro: eles tinham sido casados numa vida anterior, portanto pertenciam um ao outro naturalmente.

“Pertenciam um ao outro”… era justamente isso que uma consciência perturbada iria querer ouvir. MacLaine estava fisgada. Ela tornou-se uma integrante entusiasta da Nova Era e está agora no movimento como um destacado apóstolo.

A atual explosão de interesse na América pelo espiritismo vem de uma minissérie na televisão baseada nas aventuras de MacLaine na Nova Era. E as livrarias B. Dalton informaram que as vendas dos livros sobre as entidades e o oculto quase duplicaram durante a semana em 1987 quando a minissérie de MacLaine foi ao ar.

Tragicamente, até cristãos estão sendo agarrados pela empolgação da Nova Era. Eles não notam o absoluto conflito entre aquilo que os da Nova Era crêem e o que as Escrituras ensinam. Ken Wade resume as diferenças em seu livro. Ele escreve: “A Nova Era é uma mudança do conceito cristão de um Deus pessoal e amoroso para a crença de que os seres humanos são seu próprio deus. É uma mudança da crença na morte, no julgamento e ressurreição para a crença da reencarnação; da crença no Céu e inferno para a crença de que criamos nosso próprio Céu ou inferno aqui mesmo na Terra; da crença na graça de Deus para os pecadores para a crença de que cada indivíduo deve pagar os seus próprios erros em repetidas vidas de sofrimento; da crença que existe um Deus controlando o nosso destino para a crença de que devemos, através da evolução planejada, aperfeiçoar nosso próprio grupo.”

Vamos examinar mais fundo a vasta diferença, entre os ensinamentos da Nova Era e o cristianismo: John Randolph, da Nova Era, fez uma incrível predição em seu livro “Os Super-seres”: “quando o homem perceber sua identidade de deus, uma raça de deuses reinará no universo”.

Imagine a blasfêmia: a raça humana sendo uma raça de deuses! Isto é apenas o eco da primeira grande mentira do diabo canalizada através da serpente: “Então a serpente disse à mulher: certamente não morrereis… E sereis como Deus…” (Gênesis 3:4-5)

Ao fazer seres humanos como Deus, os adeptos a Nova Era rebaixam Jesus ao nosso nível. Um dos livros populares da Nova Era afirma: “o Filho de Deus não é Jesus, mas sim nossa consciência combinada com Cristo.” Isto se deriva do hinduísmo básico.

Os da Nova Era podem falar muito sobre Jesus, mas não é o Jesus que encontramos na Bíblia, o único Senhor da criação e único Salvador da humanidade. A Nova Era oferece uma falsificação de Jesus. A profetisa Elizabeth Clare, em seu livro “Os Anos Perdidos de Jesus”, diz que Jesus entre os 12 e 30 anos, viajou até a Índia e estudou com swamis hindus. Alguns da Nova Era acusam o cristianismo de suprimir provas sobre o aprendizado místico de Cristo no Oriente. Eles se imaginam fazendo um favor ao mundo ao revelar o verdadeiro caráter de Jesus e seus ensinamentos.

Eu prefiro crer no que a Bíblia nos diz sobre Jesus, e você? A Bíblia diz que somente através de Jesus podemos ir até Deus. Ele é o único caminho, a única verdade e a vida. Isto é tão essencial para a nossa fé que Deus estabeleceu um encontro especial semana após semana para nós adorarmos Jesus Cristo como Senhor: “porque o filho do homem até do sábado é senhor.” (Mateus 12:8)

Portanto o sábado é o dia que nos faz lembrar que Jesus Cristo é o Senhor. Semana após semana, no sétimo dia, Ele nos convida para nosso culto, nossa expressão de fé nEle, como nosso Criador e Redentor. As raízes da adoração no sábado vem de muito antes do tempo de Moisés, vem desde o princípio.

Na noite de sexta da semana da criação, o Senhor convidou Adão e Eva para participarem da celebração sabatina da Sua obra. O sétimo dia, o sábado, nos convida a comemorar a obra de Deus por nós como nosso Criador.

Há outra razão para adorarmos a Deus, outra razão para santificarmos o sétimo dia. Lembra do Calvário? É final de tarde de sexta, quase hora de saudar o sábado. Jesus, pendurado na cruz, relembra tudo o que fez por nossa salvação. Aí em Seus últimos suspiros Ele proclama:

– Está consumado.

Em outras palavras estava dizendo:

– Missão cumprida; humanidade redimida.

Nosso Senhor repousou no dia do sábado em honra a Sua obra terminada, assim como Ele fez após a criação. Só que desta vez ele descansou no túmulo.

Após o repouso do sábado, Cristo ressuscitou e ascendeu ao trono no Céu. Ora, a idéia de adorar no sábado, o sétimo dia do quarto mandamento, pode ser nova a você ou você pode ter ouvido que a guarda do sábado é legalista. Nada poderia estar mais próximo da verdade porque afinal, a palavra sábado em si quer dizer descanso, isso é o oposto de trabalho. Cada semana o sábado nos aponta para longe de nosso trabalho para repousarmos na obra de Deus.

Esse é o Evangelho puro e simples. Todas as semanas o sábado nos chama para honrar aqueles dois fatos da vida: criação e salvação. O sábado é parecido com uma bandeira. A bandeira de uma nação não tem valor por si só; ela só é especial pelo que representa. Do mesmo modo o sábado em si não tem nenhum valor, exceto porque representa as maiores coisas que Deus fez por nós, os motivos de nós o adorarmos. Se o sábado tivesse sido fielmente lembrado por todos, não haveria coisas como a heresia da Nova Era.

Mentes sinceras estão perguntando: devemos confiar na Bíblia como verdade? Será que os cristãos sinceros tem se confundido ao ponto de seguir crenças não-bíblicas? Talvez você queira investigar esta questão do repouso no sábado.

Quero lhe contar a emocionante história de Will Baron. Will foi criado num lar cristão, mas suas pesquisas de “um significado mais profundo da vida” o jogaram no calabouço da Nova Era. Will foi fisgado quando lia um livro da Nova Era sobre stress. Fascinando, ele quis saber mais. Assim foi visitar uma feira de médiuns, onde ficou conhecendo um médium.

Intrigado, ele decidiu pesquisar mais a fundo o oculto, indo assistir “o caminho iluminado” no Centro Metafísico em Los Angeles. Lá, uma mulher disse em transe, o nome completo de um dos amigos de Will. Ora, Will jamais conhecera a mulher e ela nunca tinha ouvido falar desse amigo dele. “Quem, se não Deus poderia comunicar uma informação tão íntima?” – Will pensou.

Totalmente convencido sobre a Nova Era, Will passou a dedicar-se ao mundo sombrio da psicologia mística, da reencarnação e de outros conceitos do oculto. A certa altura ele chegou a falar em línguas ao estilo pentecostal. Um dia enquanto meditava, experimentou a incrível visita de um famoso espírito guia hindu, Djwhal Dhul. Esse ser majestoso parecia-se com o Jesus pintado pelos artistas.

Este guia anunciou que Will tinha sido escolhido para ser um discípulo especial, um sacerdote em treinamento. Dia a dia Will recebia instruções específicas de seu espírito mestre particular e obedecia imediatamente. Ele chegou a deixar seu emprego de engenheiro e mudou-se para o exterior, para a comunidade Findhorn na Escócia, um importante centro da Nova Era.

Após seis meses lá, o espírito ordenou que Will voltasse para a América. Também disse a ele onde morar e até que carro comprar, citando o modelo específico. Aí, esse espírito ordenou que Will tomasse emprestado grandes somas em dinheiro para donativos ao Novo Centro da Nova Era.

Perto da falência e emocionalmente abatido, Will era um escravo do seu guia da Nova Era. Então o diabo se excedeu em ganância. O médium chefe do centro em que Will assistia recebeu ordens para transformar seu grupo em uma igreja “cristã” da Nova Era. Todos tiveram que começar a ler a Bíblia a fim de enfrentar os cristãos em seu próprio terreno e “convertê-los” para a crença da Nova Era.

Will recebeu ordens especiais dos espíritos para inflitrar-se nas igrejas cristãs em Los Angeles. A estratégia do diabo falhou. Ao ler a Bíblia, Will encontrou o verdadeiro Jesus. O Senhor da criação e da salvação. O Senhor do sábado.

Feliz em sua nova fé, Will foi batizado, e agora tem uma vida totalmente nova de paz com Deus e a certeza da vida eterna em Cristo. Graças a Deus pelo que Ele fez na vida de Will.

E quanto a você? Já encontrou o verdadeiro Jesus? Você pode aceitá-Lo como seu Salvador e Senhor agora mesmo.

Oração

Pai celeste, obrigado por Jesus, meu Criador e Salvador. Eu O aceito completamente em minha vida. Quero segui-Lo fielmente, até aquele alegre dia quando Ele virá através das nuvens para me levar para o Céu. Esta é a minha abençoada esperança de uma “nova era”. No nome precioso de Cristo oro, amém.

Sermão Pr. George Vandeman

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Espiritismo, Nova Era e Temas Relacionados, Pr. George Vandeman, Sermões e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para A Conspiração da Nova Era

  1. carmina disse:

    A Biblia diz: e conhecereis a verdade e a verdade vos libertará, ou seja, você lendo a Biblia, crendo nela, jamais será enganado com falsas doutrinas e mensagens de demônios…

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s