Princípios da Oração Intercessória

I. POR QUE DEVEMOS INTERCEDER?

Se Deus é infinitamente amoroso, onisciente, e todo-poderoso, por que eu preciso estar envolvido na oração de intercessão? Uma vez que Deus já está envolvido na vida de todos para o bem deles, Ele já não está fazendo tudo o que precisa ser feito?

A. A intercessão é um plano e ordem de nosso Senhor para nós.

1. Jesus chamou-nos à intercessão (Lucas 11:1-13).

a. Jesus ensinou os discípulos a interceder, na oração do Senhor (Lucas 11:1-4).

b. Ele salientou a importância da intercessão persistente na parábola do amigo importuno (Lucas 11:5-8).

c. Ele promete que ela será eficaz: “Pelo que eu vos digo: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e achareis; batei, e abrir-se-vos-á; pois todo o que pede, recebe; e quem busca acha; e ao que bate, abrir-se-lhe-á” (Lucas 11:9-10).

d. Jesus prometeu que o Espírito Santo seria dado “àqueles que O pedirem!” (Lucas 11:11-13).

2. O próprio Jesus intercedeu muito:

a. Ele era encontrado frequentemente em oração (Marcos 1:35, Lucas 11:1).

b. Ele intercedeu muito por seus seguidores – João 17

3. Os profetas também confirmam que a intercessão é plano de Deus

a. Paulo: “Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens, pelos reis, e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranqüila e sossegada, em toda a piedade e honestidade. Pois isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador” (1 Timóteo 2:1-3).

b. Tiago: “Nada tendes, porque não pedis” (Tiago 4:2).

c. Ellen White: “Anjos ministradores aguardam ao pé do trono para obedecerem instantaneamente ao mando de Jesus Cristo no responder toda oração feita em sinceridade, com fé viva” (2 Testemunhos Seletos, pág 377).

B. A intercessão abre portas no Grande Conflito para liberar O poder de Deus. Ele tem de alguma forma se limitado às nossas orações.

1. “Faz parte do plano de Deus conceder-nos, em resposta à oração da fé, aquilo que Ele não outorgaria se o não pedíssemos assim” (O Grande Conflito, pág 525).

2. “Satanás não pode suportar que se apele para seu poderoso Rival, pois ele teme e treme diante de Sua [de Cristo] força e majestade. Ao som de fervorosa oração, treme todo o exército de Satanás” (Mensagens aos Jovems, pág 53).

3. “Unicamente o trabalho realizado com muita oração e santificado pelos méritos de Cristo, demonstrar-se-á afinal haver sido eficaz” (O Desejado de Todas as Nações, Pág 362).

C. A oração intercessória me transforma de maneira positiva. Ela intensifica o meu desejo para as coisas que orei e abre minha mente às sugestões e comunicações do Espírito Santo.

1. “A oração é o abrir do coração a Deus como a um amigo. Não que seja necessário, a fim de tornar conhecido a Deus o que somos; mas sim para nos habilitar a recebê-Lo. A oração não faz Deus baixar a nós, mas eleva-nos a Ele” (Caminho a Cristo, Pág 93).

D. A oração intercessória funciona! – Provai e vede!

1. “E esta é a confiança que temos nele, que se pedirmos alguma coisa segundo a sua vontade, ele nos ouve. e, se sabemos que nos ouve em tudo o que pedimos, sabemos que já alcançamos as coisas que lhe temos pedido” (1 João 5:14-15).

E. OK – O Senhor nos chamou para interceder – Mas como?

II. COMO INTERCEDER – MÉTODOS PRÁTICOS PARA INTERCESSÃO EFICAZ

A. Ore com fé, reivindicando as promessas da Palavra de Deus.

1. Reivindique Suas Promessas – “ele nos tem dado as suas preciosas e grandíssimas promessas, para que por elas vos torneis participantes da natureza divina, havendo escapado da corrupção, que pela concupiscência há no mundo” (2 Pedro 1:4).

2. Agradeça antes de saber a resposta
a. “Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com ações de graças; e a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus” (Filipenses 4:6-7).

b. “Podemos pedir o perdão do pecado, o Espírito Santo, um temperamento cristão, sabedoria e força para fazer Sua obra, ou qualquer dom que Ele haja prometido; então devemos crer que recebemos, e agradecer a Deus por havermos recebido. Não precisamos esperar por qualquer evidência exterior da bênção. O dom acha-se na promessa. Podemos empenhar-nos em nosso trabalho certos de que o que Deus prometeu Ele pode realizar, e de que o dom, que nós já possuímos, se efetivará quando dele mais necessitarmos” (Educação Pág 258).

c. “Não oramos demasiado, mas somos por demais tardios em dar graças. Caso a amorável bondade de Deus suscitasse mais ações de graças e louvores, teríamos incomparavelmente mais poder na oração. Teríamos mais e mais abundância do amor de Deus, e mais e mais motivos por que O louvar. Vós, que vos queixais de que Deus vos não atende às orações, mudai a presente ordem de coisas, e misturai louvores às vossas petições. Quando considerardes Sua bondade e misericórdias, verificareis que Ele considerará as vossas necessidades” (Testemunhos para a Igreja, volume 5, p. 317).

B. Una-se aos outros na intercessão por maior poder

1. “Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus. Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles” (Mateus 18:19-20).

2. Use frases curtas na oração, ou “oração conversacional”, quando interceder em um grupo para um melhor nível de interesse na ministração.

C. Seja específico com os pedidos e registre as respostas.

1. Um diário de oração ou lista de oração ajuda a memória e fortalece a nossa fé quando as respostas chegam.

D. Seja persistente e não desista!

1. “Perseverai em oração, velando nela com ação de graças” (Colossenses 4:2).

2. “A perseverança na oração é também uma condição para ser ela atendida. Devemos orar sempre, se quisermos crescer na fé e experiência” (Caminho a Cristo, Pág 97).

3. “Jacó prevaleceu porque foi perseverante e resoluto. Sua experiência testifica do poder da oração importuna. É agora que devemos aprender esta lição de oração que prevalece, de uma fé que não cede. As maiores vitórias da igreja de Cristo, ou do cristão em particular, não são as que são ganhas pelo talento ou educação, pela riqueza ou favor dos homens. São as vitórias ganhas na sala de audiência de Deus, quando uma fé cheia de ardor e agonia lança mão do braço forte do Todo-poderoso” (Patriarcas e Profetas, Pág 203).

E. A importância do coração buscar confissão e obediência.

“porque se o coração nos condena, maior é Deus do que o nosso coração, e conhece todas as coisas. Amados, se o coração não nos condena, temos confiança para com Deus; e qualquer coisa que lhe pedirmos, dele a receberemos, porque guardamos os seus mandamentos, e fazemos o que é agradável à sua vista” (1 João 3:20-23).

F. A prioridade do tempo pessoal com Deus

“Se vós permanecerdes em mim, e as minhas palavras permanecerem em vós, pedi o que quiserdes, e vos será feito” (João 15:7).

G. Confie em Deus – Ele sempre responde – mas às vezes ele diz “Não” ou “Aguarde”

1. Definição da verdadeira fé – Daniel 3:17-18

2. Se Deus realmente quisesse nos castigar, Ele responderia a todas as nossas orações com um “sim”.

3. “Se não recebemos exatamente as coisas que pedimos e ao tempo desejado, devemos não obstante crer que o Senhor nos ouve, e que atenderá às nossas orações. Somos tão falíveis e curtos de vistas que às vezes pedimos coisas que não nos seriam uma bênção, e nosso Pai celestial amorosamente nos atende às orações dando-nos aquilo que é para o nosso maior bem – aquilo que nós mesmos desejaríamos se com vistas divinamente iluminada, pudéssemos ver todas as coisas tais como elas são na realidade. Quando nossas orações ficam aparentemente indeferidas, devemos apegar-nos à promessa; pois virá por certo a ocasião de serem atendidas, e receberemos a bênção de que mais carecemos. Mas pretender que a oração seja sempre atendida exatamente do modo e no sentido particular que desejamos, é presunção. Deus é muito sábio para errar, e bom demais para reter qualquer benefício dos que andam sinceramente. Não receeis, pois, confiar nEle, ainda que não vejais a resposta imediata às vossas orações. Apoiai-vos em Sua segura promessa: “Pedi, e dar-se-vos-á.” Mat. 7:7″ (Caminho a Cristo, Pág 96).

Extraído do site Revival and Reformation. Crédito da Tradução: Blog Sétimo Dia www.setimodia.wordpress.com

About these ads

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Oração, Reavivamento e Reforma e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Princípios da Oração Intercessória

  1. daiana costa disse:

    È muito bom e gratificante saber que alguem intercede por nós sedo assim é bom tambem interceder por alguem , assim como JESUS INTERCEDEU E INTERCEDE POR NOS JUNTO ao Pai

  2. Emanuel Pereira disse:

    Parabéns pela iniciativa de postar conteudo tão importante para podermos por em prática a nossa confiança no Senhor… a paz.

  3. flávio souza alves disse:

    preciso qu e o grande Deus olhe por mim, fui um ex adventista,que precisa de ajuda divina,muito mesmo,me ajude Deus,já fui um ex colportor,conheço muito do senhor,mas não tenho fé bastante para prosseguir,conheço minha vida,Deus pode me ler, pode ler minha vida sabe como eu sou….me ajude Deus.

  4. flávio disse:

    preciso que orem por mim..por favor Deus olhe por mim….um naufrago na fé..me ajude…to cansado….

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s