Dicas para ajudar Ajudar a Preservar o Meio Ambiente

plante árvores

1) SULFITE RECICLADO

Agora não adianta arrumar desculpa pra não usar papel reciclado. A diferença de preços entre 500 folhas de sulfite comum e do reciclado já é insignificante. Na Kalunga, uma das maiores papelarias de São Paulo, o preço de uma resma (500 folhas) de Chamex comum custa R$ 11,60, enquanto o reciclado da mesma marca sai por R$ 12,20. Apenas sessenta centavos pela preservação da natureza.

2) LIXO ELETRÔNICO

Jogar um computador ou um celular no lixo causa uma sensação estranha. Aquilo custou caro, foi muito útil, às vezes ainda funciona, e a lixeira não parece ser o lugar mais adequado.

E não é. Componentes eletrônicos têm uma imensa dificuldade de se degradar na natureza, além de muitos deles conterem substâncias tóxicas, como as baterias.

Em São Paulo, a empresa Sucata Eletrônica promete dar um jeito nisso. Eles buscam o aparelho na sua casa e ainda pagam por isso.

O procedimento é simples. Basta verificar no site http://www.sucataeletronica.com.br/ se o que você vai jogar fora pode ser reciclado pela empresa. Depois, é só ligar para (11) 3535-5170 e pedir uma coleta.

Eles pagam um real pelos monitores e vinte centavos por quilo dos outros eletrônicos. Aceitam computadores, impressoras, laptops, monitores, TVs, celulares e muitas outras tranqueiras. Os aparelhos são desmontados e depois vendidos para empresas de reciclagem.

3) DESCARTE DE PILHAS E BATERIAS

Grande parte das pilhas utilizadas no país são piratas. São aquelas mais baratas, de marca esquisita, que muitas vezes não duram nada. Elas não seguem os limites brasileiros para os metais tóxicos, e são muito perigosas para as pessoas e para o meio ambiente. No Brasil, cerca de 90% dos municípios não têm locais adequados para depositar o lixo. Uma resolução do CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente) exige que as pilhas sejam depositadas em “em aterros sanitários licenciados”. Ainda que as pilhas comuns tenham poucos ou nenhum metal tóxico, elas não deveriam ser jogadas no lixo, mas recicladas.

Não jogue pilhas no lixo. Guarde as usadas em um lugar seco e ventilado até encontrar um posto de coleta (o Banco Real está com um projeto para receber pilhas, e o site do Ministério do Meio Ambiente tem uma lista nacional de postos de coleta http://www.mma.gov.br/port/sqa/prorisc/pilhasba/coletas/corpo.html

Use pilhas recarregáveis. Apesar de serem mais caras, duram muito mais. Procure comprá-las em lojas confiáveis, pois as falsificadas tomaram conta do mercado. Não compre pilhas piratas. Elas duram menos, são mais tóxicas e podem explodir com facilidade, pois sua capa protetora é de papelão e não de aço, como nas originais.

Não compre pilhas piratas. Elas duram menos, são mais tóxicas e podem explodir com facilidade, pois sua capa protetora é de papelão e não de aço, como nas originais.

4) SUBSTITUA AS SACOLAS DESCARTÁVEIS POR SACOLAS RETORNÁVEIS

Sacolas descartáveis, 1 segundo para produzir, 20 minutos de uso e 500 anos destruindo o planeta.

A sacola retornável é a solução para as compras em supermercado, feira, farmácia, açougue, vídeolocadora … onde é possível levar uma sacola para trazer as compras.

É mais barato para o comerciante e é melhor para o planeta, pois o custo ambiental é muito baixo. Atende à agenda XXI no que diz respeito à mudança de padrão de produção e consumo.

Nossas avós usavam sacolas retornáveis e sobreviveram. Elas não tinham à disposição sacolas de plástico ou de papel.

Para ter idéia do que estamos falando, vamos colocar em números.

Uma familia de 4 pessoas de classe média usa 1.000 sacolas por ano – no supermercado, padaria, açougue, feira, videolocadora, farmácia …

Essas sacolas convencionais podem demorar até 500 anos para sumirem na natureza, contaminando rios e oceanos, matando animais quando da sua ingestão, por confundirem a sacola com alimento.

Espalhe esta idéia, só utilize e incentive seus amigos e parentes a utilizarem sacolas retornáveis ao fazerem compras.

5) RECICLE O LIXO DOMÉSTICO

A preservação do meio ambiente começa com pequenas atitudes diárias, que fazem toda a diferença. Uma das mais importantes é a reciclagem do lixo. O motivo é simples de entender.

Nos dias de hoje, quem vive em áreas urbanas produz, em média, 1 quilo de lixo por ano. Aí se incluem materiais que são tirados da natureza, como papéis, plástico, vidro e alumínio, e podem muito bem ser reaproveitados – em vez de serem simplesmente jogados em aterros sanitários e se transformar em poluição.

Para contribuir nesse sentido,veja um guia para você não perder mais tempo e começar a reciclar já!

Dúvidas Comuns

1. O lixo reciclável deve sempre estar seco e limpo:

PAPÉIS: todos os tipos são recicláveis, inclusive caixas do tipo longa-vida e de papelão. Não recicle papel com material orgânico, como caixas de pizza cheias de gordura, pontas de cigarro, fitas adesivas, fotografias, papéis sanitários e papel-carbono.

PLÁSTICOS: 90% do lixo produzido no mundo é composto de plástico. Por isso, esse material merece uma atenção especial. Recicle sacos de supermercados, garrafas de refrigerante (pet), tampinhas e até brinquedos quebrados.

VIDROS: quando limpos e secos, todos são recicláveis, exceto lâmpadas, cristais, espelhos, vidros de automóveis ou temperados, cerâmica e porcelana.

METAIS: além de todos os tipos de latas de alumínio, é possível reciclar tampinhas, pregos e parafusos. Atenção: clipes, grampos, canos e esponjas de aço devem ficar de fora.

2. E o isopor?

Ao contrário do que muita gente pensa, o isopor é reciclável. No entanto, esse processo não é economicamente viável. Por isso, é importante usar o isopor de diversas formas e evitar ao máximo o seu desperdício. Quando tiver que jogar fora, coloque na lata de plásticos. Algumas empresas transformam em matéria-prima para blocos de construção civil.

3. Como separar o lixo doméstico?

Primeiro de tudo: não misture o lixo reciclável com material orgânico, como sobras de alimentos e cascas de frutas e legumes. Coloque o lixo em sacos separados para plásticos, vidros, metais e papéis. ATENÇÃO: lave bem as embalagens, como latas, garrafas e frascos de vidro. Deixe tudo bem sequinho antes de embalar.

Os papéis podem ser dobrados, mas não amassados. Os vidros, metais com pontas e outros materiais cortantes devem ser embrulhados em papel grosso (como papelão) ou colocados em uma caixa para evitar acidentes. Não misture garrafas ou frascos com vidros planos.

4. Como implantar a coleta seletiva no seu prédio?

A ONG Compromisso Empresarial para Reciclagem (Cempre) ensina o que você deve fazer. Primeiro de tudo, peça ajuda a voluntários e monte uma equipe. Vocês devem procurar informações sobre a reciclagem, tipos de depósitos, o treinamento dos funcionários, a melhor forma de divulgação com os moradores etc.

De acordo com a aceitação dos outros condôminos, a equipe deve decidir se cada morador levará seu lixo até as lixeiras ou haverá coleta interna em cada apartamento. Depois, é preciso decidir um lugar para armazenar o lixo enquanto espera pela coleta da prefeitura ou dos catadores.

Curiosidades

A reciclagem de uma única lata de alumínio economiza energia suficiente para manter uma TV ligada por 3 horas.

Mais de 160 mil pessoas vivem no Brasil exclusivamente de coletar latas de alumínio e recebem em média 2 salários mínimos por mês, segundo a Associação Brasileira de Alumínio.

O lacre da latinha não vale mais e não deve ser vendido separadamente. As empresas reciclam a lata com ou sem o lacre. Isso porque o anel é pequeno e pode se perder durante o transporte.

Para produzir 1 tonelada de papel é preciso 100 mil litros de água e 5 mil kW de energia. Para produzir a mesma quantidade de papel reciclado, são usados apenas 2 mil litros de água e 50% da energia.

Cada 100 toneladas de plástico economizam 1 tonelada de petróleo.

O vidro pode ser infinitamente reciclado.

6) COLETA SELETIVA DE ÓLEO DE COZINHA

O óleo resultante da fritura de alimentos quando disposto de forma inadequada gera sérios problemas ambientais. A maioria das pessoas pelo fato de desconhecer a maneira adequada da disposição desse resíduo, descarta-o no ralo da pia causando inconvenientes nas redes de esgoto e vários impactos na natureza, tais como: entupimento e corrosão das canalizações, poluição dos mananciais, maior dificuldade no tratamento de esgotos.

Para se ter uma idéia, “1 litro de óleo contamina 1.000.000 de litros de água, o que equivale ao consumo de uma pessoa no período de 14 anos”.

Vamos preservar o meio ambiente!

O óleo de fritura pode ser utilizado para a fabricação de detergente, sabão e biodiesel.

Colabore com o meio ambiente!!!

Ecopontos de Coleta : Clique AQUI !

MAIS DICAS

EM CASA
:: Desligar as luzes quando as mesmas não estão em uso;
:: Usar o chuveiro elétrico somente quando necessário;
:: Não utilizar copos ou outros produtos descartáveis;
:: Fechar a torneira enquanto escova os dentes;
:: Desligar o chuveiro enquanto se ensaboa;
:: Ter um jardim ou uma horta;
:: Fazer coleta seletiva do lixo.

NO TRABALHO
:: Optar pelo uso do e-mail para evitar impressão desnecessária de documentos;
:: Optar pelo uso de copo de vidro ou de plástico ao invés do copo descartável;
:: Utilizar o papel escrevendo nas duas faces antes de jogá-lo fora;
:: Desligar o monitor quando não está em uso;
:: Fazer opção por usar papel reciclado.

EM OUTROS AMBIENTES
:: Nunca jogar papel, embalagens ou restos de comida em vias públicas;
:: Para pequenas distâncias, optar por ir a pé ou de bicicleta;
:: Oferecer carona.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Cristãos x Meio Ambiente e marcado , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Dicas para ajudar Ajudar a Preservar o Meio Ambiente

  1. wendel disse:

    boa resposta vcs eestão de parabéns?

    Obrigado!!!

  2. mickaelly disse:

    eu adorei esse site eu vou fazer uma coleta seletiva para ajudar o meio ambiente por que o meio ambiente é muinto impotante para o seres vivos sem o meio ambiente as pessoas e os animais nao consiguiriam viver eu vou fazer um projeto para reciclar o nome do projeto é: QUEM AMA A NATUREZA PERDOA O HOMEM E RECOMEÇA UM NOVO TEMPO!!!

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s