Segurança, Confiança, Dependência

SEGURANÇA, CONFIANÇA, DEPENDÊNCIA

Cultivar, no presente, os atributos da fé garante uma vida melhor no futuro .

Por Ellen G. White

Todos nós necessitamos de firme confiança em Jesus. Quando fixamos os olhos nEle, não enxergamos somente as coisas que se veem, mas as coisas que se não veem. Ele diz: “Considerai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham, nem fiam. Eu, contudo, vos afirmo que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós outros, homens de pequena fé?” Nossa fé é muito débil. Em breve, graves tribulações virão sobre o povo de Deus neste e em outros países. Hoje é o tempo de obtermos melhor compreensão de Sua Palavra.

Que é a maior evidência de que Jesus nos ama que o fato de Ele ter morrido por nós? E porque Ele vive, também viveremos. … De coração agradecido e lábios tocados pelo santo fogo, deixe irromper a feliz canção: “Jesus ressuscitou; Ele vive para interceder por nós.” “Todo aquele que tem nEle essa esperança purifica-se a si mesmo, assim como Ele é puro.” Agarre-se a essa esperança e ela manterá sua alma como âncora firme e segura. Creia e verá a glória de Deus.

Jesus, Ajuda-nos ao Dizer ao Mundo

Vivamos todos os dias de nossa vida como se crêssemos que Sua vinda está bem próxima.

Este é um mundo de trevas. Aqueles para os quais foram apresentadas as preciosas verdades da Palavra de Deus devem estudar as Escrituras por si mesmos, para que, por sua vez, possam apresentar a verdade a outros. Os leais e verdadeiros são agora chamados à frente para deixarem sua luz brilhar com raios fortes e permanentes…Nenhum de nós pode enfrentar as trevas do mundo, a menos que esteja firmado em Jesus, nosso poderoso ajudador. Todo o Céu está interessado na salvação da família humana; e quando Deus vê que estamos interessados na salvação de outros, trabalhará conosco e por nós. Eu imploro a você, meu irmão e irmã, que trabalhe em prol da salvação das almas pelas quais Cristo morreu. Não espere por mais estímulo antes de agir. Se eu tivesse esperado pelos sentimentos, metade da minha vida teria sido gasta sem nada fazer. Os sentimentos não devem ser nosso critério…

Quando Jesus ascendeu ao Céu, encarregou os homens de serem Seus representantes para levar adiante, em Seu nome, a obra que Ele iniciou, prometendo-lhes que teriam ajuda e poder especiais. Ao vermos essa promessa e o grande amor de Deus pelo homem, torna-se difícil para muitos compreenderem por que Ele permite que Seus seguidores sofram como os mártires sofreram com a crueldade satânica de homens que professam ser sucessores de Cristo. Essa dúvida me incomodou por anos. Quando, porém, vi os anjos de Deus pairando sobre essas preciosas joias, como pairaram sobre a cruz de Cristo, meus sentimentos mudaram. Pela fé, esses fiéis viram… Jesus, seu amoroso comandante, cuidando deles. Compreendi, então, porque nosso Pai celeste permite que as tentações, provas e aflições atinjam aqueles a quem Ele ama. Isso acontece para dar aos Seus filhos um senso mais profundo de Sua presença e providência divina. São também Suas visitas de providência e misericórdia que trazem de volta os que se distanciaram dEle…

Não permita que o cristão, quando for provado, pense que foi esquecido. Nem mesmo um pardal cai ao chão sem que seja notado pelo Pai do Céu. Ele ama e cuida da mais débil criatura. Não há como desonrar mais a Deus do que duvidando dEle. Necessitamos de uma fé viva, que confie nEle em meio às trevas das provações.

Permanecendo Conectado

Gostaria, hoje, de poder impressionar cada alma diante de mim com a importância de ter uma relação íntima com Deus. Se o coração for puro, poderemos ir com ousadia ao trono da graça. Se crermos que Deus nos ouve, agiremos como se soubéssemos que Ele nos ouve. Isso é fé. Se esperarmos por um sentimento especial, poderemos ficar desapontados. Sentimentos não têm nenhuma relação com a fé. As condições de aceitação são o fato de termos saído do mundo e sermos separados, que deixamos de lado pecados secretos e deixamos de transgredir conscientemente os requisitos de Deus.

Que tipo de Céu seria se cada um de nós fosse para lá com seu temperamento peculiar, com o desejo de seguir seus próprios caminhos! Quão tristes seriam tais pessoas, mesmo no Céu, se não pudessem sempre fazer o que lhes agrada! O amor ao que é certo deve estar inculcado em nós enquanto estivermos na Terra. Então, a luz do Céu virá, nosso coração se abrirá a Jesus e teremos perfeita submissão à vontade de Deus.

Mantendo Aberta a Linha de Comunicação

Jesus nos deixou perfeito exemplo. Devemos estudá-lo cuidadosamente e, ao estudarmos e orarmos, desenvolveremos íntima conexão com o Céu… Não há tempo a perder. Todos os que entrarem no Céu terão, como resultado de seu trabalho, alguma alma para apresentar a Jesus. O “bem está” nunca será dito para aqueles que não agiram bem. Devemos ser fiéis, devemos ser ativos para recebermos a recompensa prometida aos fiéis.

A religião de Cristo não consiste 
em que meramente tenhamos nosso nome escrito no livro da igreja; ele 
deve estar no livro da vida do Cordeiro… Há nítida diferença entre os seguidores de Cristo e o mundo… O grande motivo apresentado a eles é: “aguardando a bendita esperança e a manifestação da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus”. Mantenhamos nossa mente fixa sobre o glorioso aparecimento dAquele que “a Si mesmo Se deu por nós, a fim de remir-nos de toda iniquidade e purificar, para Si mesmo, um povo exclusivamente Seu, zeloso de boas obras”; e vivamos todos os dias de nossa vida como se crêssemos que Sua vinda está bem próxima.

Abramos a porta de nosso coração para que Jesus entre e o pecado saia. Renunciemos ao mal e escolhamos o bem, lembrando-nos de que “a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes”. Todos os que entrarem na cidade de Deus, o farão como vencedores. Jesus venceu e nós venceremos, se lutarmos as nossas batalhas em Seu nome.

……………………………………………………………………………………………………

Este artigo foi extraído de um dos primeiros 
que foram publicados na Advent Review and Sabbath Herald, hoje Adventist Review, de 16 de março de 1886. Os adventistas do sétimo dia creem que Ellen G. White exerceu o dom profético bíblico durante mais de 70 anos de ministério público.

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Artigos Traduzidos - Adventist Review, Cristianismo Prático, Espírito de Profecia, e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Segurança, Confiança, Dependência

  1. maynara disse:

    por favor preciso de ajuda tenho um marido explosivo e agressivo..

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s