Deus sob Controle !

Programas de computador para prever o futuro das religiões?

O antropólogo britânico Harvey Whitehouse, “ateu convicto” está a frente do projeto explicando a religião (EXREL) o qual reúne antropólogos, psicólogos e economistas de 9 universidades européias e 5 instituições americanas.

Objetivo – Reunir características comuns às religiões para entender como esses aspectos universais são processados pela mente humana.

Será que os mecanismos psicológicos q fazem um cristão acreditar na divindade de Jesus são os mesmos q reforçam a crença de um muçulmano em Alá?

Com base na resposta a essas perguntas, seria possível fazer programas de computador para tentar prever a dinâmica de movimentos religiosos.

Os modelos considerariam os mecanismos psicológicos ligados a crenças, variáveis políticas e territoriais de uma região e a visão da sociedade sobre grupos religiosos. Com isso, os pesquisadores poderiam dizer se novos grupos fundamentalistas poderiam surgir no Oriente Médio ou se esse tipo de movimento acabaria no caso de mudanças políticas na região. “Eu não quero exagerar, sobre o que poderemos fazer”, diz Whitehouse. “Mas ao antecipar possíveis desdobramentos, poderíamos propor estratégias para ajudar a resolver conflitos sectários e a violência de grupos fundamentalistas” Os modelos deverão ficar prontos até o final de 2010.

O EXREL pertence a uma linha de pesquisa latente há anos no meio acadêmico, que examina a religião como um fenômeno natural. Esses cientistas afirmam q não estão interessados em demover crentes de suas convicções. Não querem ser confundidos com os novos ateus, intelectuais q acreditam q a oposição à fé poderia encorajar pessoas com dúvidas sobre suas crenças a refutar o pensamento religioso.

“Talvez a religião seja como um resfriado comum” Afirma o filósofo americano Daniel Dennet, considerado um dos ateus mais moderados. “Ela simplesmente sobrevive. E isso não significa que é porque nos faz algum bem”.

Fora dos movimentos dos novos ateus os cientistas garantem não encarar essas pesquisas como uma chance de a ciência se sobrepor a fé. “A questão é como podemos entender a irracionalidade humana para lidar com ela”, diz o antropólogo americano Scott Atran, da Universidade de Michigan, referência no estudo das religiões.”Não é porque descobrimos porque as pessoas gostam de chocolate que diminuirá a paixão delas por trufas”

O Objetivo do EXREL pode soar ousado para os religiosos. Como poderia ser possível explicar cientificamente assuntos divinos? O debate causa polêmica até nas universidades. Há anos os pesquisadores especulam sobre a origem do pensamento religioso. E ainda não chegaram a um consenso. Tentar prever o futuro desses movimentos parece ainda mais improvável. Mas a equipe do EXREL está consciente do desafio. “É a parte mais ambiciosa do projeto”, diz um dos organizadores, o antropólogo brasileiro Paulo Souza, vice-diretor do Instituto de Cognição & Cultura, de Belfast, na Irlanda do norte. “Talvez nem seja realizável”.

Fonte: revista época de 15/04/08 página 84

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em Notícias Mundo Religioso e marcado . Guardar link permanente.

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s