Cumprir a Lei – Mateus 5:17

Uma das afirmações mais absurdas no domínio da exegese de passagens bíblicas é a referente a Mat. 5:17, última parte:

“Não penseis que vim revogar a lei ou os profetas: não vim para revogar, vim para cumprir”.

Que argumentos podem ser invocados para concluir, que cumprir a lei, signifique não estar mais em vigor?

Apenas um desconhecimento completo do significado das palavras pode levar alguém a afirmar que cumprir, signifique apenas cessar, deixar de vigorar. Embora a palavra tenha também este significado, qualquer dicionário nos informará que significa também: observar, obedecer, realizar completar. A prova máxima e que o sentido dado por Mateus não é o de cessar ou deixar de vigorar se encontra na mesma passagem e no verso seguinte: “Não penseis que vim revogar a lei ou os profetas”. “Até que o céu e a terra passem, nem um i ou um til jamais passará da lei”.

Com propriedade escreveu Arnaldo Christianini em Subtilezas do Erro:

“Cumprir não é fazer passar uma lei ou cessar lhe a vigência, por tê-la satisfeito em exigência ou atendido a seus preceitos, pois se o fosse, então seria nada menos do que ab-rogá-la pura e simplesmente. Mas, no texto, Cristo declarou inequivocamente: não vim ab-rogar. Diz o grande lexicógrafo Webster: ‘cumprir é obedecer’. É um atendimento à exigência legal, uma satisfação ao preceito. Um cidadão cumpre o dever de votar, por exemplo. Extingue-se a instituição do voto, por ele tê-lo cumprido? Não! A exigência é permanente; o cumprimento é transiente. O cumprimento afeta a pessoa, não a exigência; liga a pessoa à exigência, mas não remove a exigência. Esta só é removível por força de lei superior que expressamente o declare. É princípio de direito e de doutrina. Cristo cumpriu o batismo mas não o aboliu. Em Gálatas 6:2, se diz: ‘Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo’. Imagine o leitor, se isto significa abolir!”

O que os comentaristas bíblicos disseram sobre esta expressão nos ajuda a equacionar o problema de acordo com o sentido que Cristo lhe deu.

J. Broadus explica Mat. 5:17 assim: “Cumprir é a tradução de uma palavra grega, significando tornar claro, encher… Significa executar plenamente, realizar, aplicado a qualquer obra ou dever”.

Strong, por ser batista, pensa de modo diferente do nosso com respeito à lei, por isso suas afirmações sobre a lei são valiosas. Em sua Teologia Sistemática, comentando Mat. 5:17, afirma:

“Jesus devia cumprir a lei e os profetas mediante completa execução da vontade revelada de Deus … Desde que a lei é um transcrito da santidade de Deus, suas exigências como uma regra moral são imutáveis”.

Spurgeon, referindo-se a Mateus 5:17, declarou: “Para mostrar que Ele jamais pensou em ab-rogar a lei, nosso Senhor exemplificou (cumpriu) todos os preceitos em Sua própria vida”.

Jamieson, Fausset e Brown afirmam ser este o sentido de Mateus 5:17: “Não espereis encontrar em meu ensino algo de derrogativo aos oráculos do Deus vivo. Não vim ab-rogar, mas estabelecer a Lei e os Profetas”.

Não há necessidade de acrescentar mais nenhuma prova.

Texto de Autoria de Pedro Apolinário extraído da Apostila Leia e Compreenda Melhor a Bíblia.

About these ads

Sobre Blog Sétimo Dia

“SOLO CHRISTO”, “SOLA GRATIA”, “SOLA FIDE”, “SOLA SCRIPTURA” (salvação somente em Cristo, somente devido à graça de Deus, somente pela instrumentalidade da fé, somente com base na Escritura)
Esse post foi publicado em A Lei de Deus e Temas Relacionados, Explicação de Textos Difíceis e marcado , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Cumprir a Lei – Mateus 5:17

  1. jrmao2010 disse:

    A palavra cumprir desse texto de Mateus 5:17, vem do grego “PRELOO” que significa plenitude ou plenificar. Ou seja, Jesus trouxe plenitude a antiga aliança. Como é sabido, os sacrificios de cordeiros entre outros animais eram apenas uma sombra, simbolo ou imagem do sacrificio de Cristo. Mas quando veio Cristo essas leis de ordenanças deixaram de existir (Ef.2:15)

    Um outro texto bíblico joga luz sobre esse texto de Mateus 5:17

    “Mas Jesus lhe respondeu: Deixa por enquanto, porque, assim, nos convém cumprir toda a justiça…” ( Mateus 3:13-16.).

    Analisemos: O texto diz que Jesus cumpriu o Batismo e a justiça. Será que pelo fato de Cristo ter cumprido o Batismo, ninguém, mais precisa se batizar para se salvar?Ninguem concordaria com isso. E a justiça? Não precisaria mais cumprir a justiça de Deus por que Jesus a cumpriu? De maneira nenhuma, pois temos de obedecer a Deus e sermos justos por toda a vida

Deixe seu comentário. Tudo o que pedimos é que se mantenha uma cultura de respeito. Isto significa não fazer ataques pessoais, não usar palavrões, e por favor manter o diálogo sobre o tema postado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s